Clique e assine por apenas 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Novidades da cultura pop e da internet

Um vídeo do Padre Fábio de Melo sobre violência contra a mulher está dando o que falar na internet

Uma antiga pregação do Padre Fábio de Melo sobre violência doméstica está dando o que falar nas redes sociais. A gravação, que faz parte de uma missa transmitida em 2006, foi publicada por um usuário do Twitter no domingo (26). + Dani Calabresa faz sucesso com paródia de esposa de Eduardo Cunha + Silvio Santos provoca polêmica ao ‘agarrar’ […]

Por VEJA SP - Atualizado em 26 Feb 2017, 12h10 - Publicado em 27 Jun 2016, 16h15

fabio-de-melo

Uma antiga pregação do Padre Fábio de Melo sobre violência doméstica está dando o que falar nas redes sociais. A gravação, que faz parte de uma missa transmitida em 2006, foi publicada por um usuário do Twitter no domingo (26).

+ Dani Calabresa faz sucesso com paródia de esposa de Eduardo Cunha
+ Silvio Santos provoca polêmica ao ‘agarrar’ convidada no palco

Em um dos trechos mais polêmicos do vídeo, o padre afirma que “não é nenhuma palavra, nenhum grito que vai dizer ‘não me bata’, é o seu jeito de ser mulher.”

Assista:

Muitos internautas acusaram Fábio de Melo que culpar mulheres que sofrem com a violência doméstica pela agressão. “Um homem não precisa agredir uma mulher duas, três, vezes para se tornar um agressor, Ele já é agressor desde a primeira vez“, opinou um internauta. Outros saíram em defesa do padre, lembrando que o trecho do vídeo poderia estar fora de contexto “Traduzindo: se se calar, o agressor vai achar que PODE agredir”, rebateu outra.

Confira a repercussão.

Surpreso, o sacerdote usou sua (bombadíssima) conta no Twitter para se manifestar sobre a repercussão do vídeo. Em uma série de tuítes, ele pede desculpas por ter dado a entender que a vítima é culpada pelas agressões. “Se fui infeliz na linguagem, resta-me retratar”, diz.

Confira:

Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook.

Publicidade