Jovem luta contra câncer que afeta homens com mais de 75 anos

A mulher acredita que contraiu o tumor após ingerir amianto, produto proibido no estado de São Paulo, quando ainda era pequena

Danielle Smalley, uma jovem de apenas 23 anos, recebeu uma notícia desesperadora: ela foi diagnostica com um tipo de câncer que geralmente afeta homens com mais de 75 anos — um tumor relacionado ao amianto, produto proibido no estado de São Paulo.

A mulher acredita que há apenas uma explicação para o mesotelioma peritoneal maligno, a doença que foi diagnosticada. 

Foi um choque muito grande. Eu nem sabia o que era amianto. O tipo de mesotelioma que eu tenho quer dizer que eu ingeri o produto em algum momento da minha vida“, revelou a jovem.

Vale ressaltar que os pais de Danielle, Amanda, de 47 anos de idade, e Simon, de 51 anos, nunca trabalharam com amianto — o produto foi banido do Reino Unido em 1999.

Agora, Danielle precisará congelar seus óvulos antes de começar o tratamento com uma quimioterapia revolucionária, pois os remédios podem deixá-la infértil. “Normalmente o amianto demora vinte anos para ter um efeito, eu devo ter ingerido o produto quando tinha 2 ou 3 anos de idade. É muito raro em mulheres, ainda mais na minha idade. Normalmente, afeta homens mais velhos que trabalham com construções. Nós averiguamos a situação na minha escola primária, mas eles não encontraram nada. É improvável que a gente descubra de onde veio o amianto que eu consumi“, revelou a jovem ao The Daily Mirror. “Eu me sinto muito azarada“, desabafou a jovem.

Inicialmente, Danielle foi diagnosticada com Síndrome do Intestino Irritado, mas médicos do Hospital Frimley Park, na Inglaterra, encontraram tumores atrás do intestino da mulher. Agora, a jovem passará por uma cirurgia para remover o câncer e terá seus órgãos “lavados” usando um remédio inovador chamado quimioterapia aquecida. “Eu estou muito assustada. Eu vou sobreviver? Eu vou poder ter filhos? Ser mãe não é algo que eu jamais imaginei que precisaria considerar na minha idade. Estou feliz que tenha tempo o suficiente para congelar os meus óvulos“, contou.

Agora, ela está de mudança para a casa do namorado para continuar o tratamento. “Minha família e meu namorado estão me acompanhando a cada passo do caminho. Ele é incrível e diz que me ama não importa o que aconteça“, contou a mulher.

Dê sua opinião: E você, o que achou da história de Danielle? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook!

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s