Clique e assine por apenas 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Novidades da cultura pop e da internet

Idosa faz transição de gênero e surpreende redes sociais

"Se tivesse me assumido antes, poderia nem estar viva", conta Ana Carolina

Por Redação VEJA São Paulo - 25 Jun 2020, 16h19

A motorista Ana Carolina Apocalypse, atualmente com 62 anos, surpreendeu os internautas ao postar fotos de sua transição de gênero nas redes sociais. Registrada como José Francisco, Ana começou o tratamento com hormônios em 2017 e colocou implantes de silicone em 2019. “Meus seios são o meu maior orgulho”, publicou no Twitter.

Continua após a publicidade

+ Assine a Vejinha a partir de 6,90

Ao E+, Ana desabafa que sempre soube que era mulher, mas adiou a transição por conta do preconceito e da falta de infomação em relação à transexualidade. “Se eu tivesse me assumido antes, eu poderia nem estar viva. Eu fiquei introspectiva, foi necessário para a minha sobrevivência”, disse.

A novela da Rede Globo “A Força do Querer” abriu os olhos de Ana, segundo ela. Na trama, a personagem protagonizada por Carol Duarte descobre-se trans, passa pela transição de gênero e se transforma em “Ivan”. “Aquilo foi o estopim. Eu nunca participei de comunidade LGBT, não tinha informação. Quando eu vi aquilo, procurei uma psiquiatra”, relata a motorista. Ela entrou em um programa protocolado pelo SUS (Sistema Único de Saúde) que fornece apoio e acompanhamento profissional para pessoas transexuais.

Ana conta que perdeu amigos e que muitos ainda a chamam de “senhor”, mas se surpreendeu com o carinho das pessoas no Twitter. A postagem sobre a transformação já alcançou mais de 320 mil curtidas. “Quando me troco, nem acredito. Estou super realizada e cada dia que passa me sinto mais feminina”, comemora.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

 

Publicidade