Clique e assine por apenas 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Novidades da cultura pop e da internet

Dedos de mulher ficam pretos após acidente doméstico comum durante faxina

Como o ferimento era pequeno, a mulher de 53 anos de idade, ignorou o problema e retornou às tarefas na província de Hubei, na China

Por Redação VEJA São Paulo - 17 Dec 2018, 17h17

A senhora Zhang sofreu um pequeno corte enquanto limpava a casa. Como o ferimento era pequeno, a mulher de 53 anos de idade, ignorou o problema e retornou às tarefas na província de Hubei, na China.

Dois dias após o acidente doméstico, no entanto, a mulher notou que um pequeno hematoma apareceu no local onde o ferimento foi feito. A mancha, então, começou a se espalhar até que toda a mão esquerda da chinesa, com exceção de seu polegar, ficaram pretos. Ao todo, oito dos dez dedos da mulher ficaram escuros por causa do a princípio simples corte.

A mulher, então, foi para um médico — onde recebeu o diagnóstico de que oitos dos seus dez dedos sofreram gangrena. Além da mudança de cor, os dedos da dona de casa coçavam, ficaram secos, doloridos e gradualmente entorpecidos.

Continua após a publicidade

Com o tratamento rápido dos funcionários do hospital, os sintomas da senhora Zhang melhoraram — e ela não precisará amputar os dedos. No entanto, médicos fizeram um alerta para os pacientes com problemas semelhantes ao da mulher: procure ajuda médica imediatamente.

Gangrena é uma condição que acontece quando os tecidos do corpo morrem. Normalmente, é causado por baixo nível de distribuição de sangue, por causa de uma doença, acidente ou infecção. Dedos dos pés e das mãos são os mais afetados pela condição. Gangrena também pode acontecer dentro do corpo humano, prejudicando o funcionamento de órgãos e músculos.

As informações são do Daily Mirror.

Dê sua opinião: E você, o que achou da história da mulher? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook!

Publicidade