Clique e assine por apenas 6,90/mês
Randômicas Por Juliene Moretti Tudo sobre música, clipes, entrevistas e novidades dos shows.

Plateia também se apresenta no show de Koolulam

Projeto israelense ensaia música com o público antes do show

Por Juliene Moretti - Atualizado em 22 Nov 2019, 08h00 - Publicado em 22 Nov 2019, 07h00

No projeto israelense Koolulam, a plateia é a parte mais importante do espetáculo. Criado pelo trio Or Taicher, Michal Shahaf e o maestro Ben Yaffet, o show começa com um ensaio de 45 minutos em que o público aprende a canção selecionada. Depois, sob a batuta de Yafett, todos cantam juntos a faixa. A turnê já teve composições como Believer, de Imagine Dragons, e One Love, de Bob Marley. Aqui, foi escolhida Tempos Modernos, de Lulu Santos. Yafett contou um pouco do projeto à Vejinha.

Vejinha: Como foi o primeiro show?
Yafett: Levamos sete meses para chegar ao formato ideal. o primeiro espetáculo, em Tel-Aviv, teve 500 pessoas. Por mais que a gente explicasse, as pessoas confundiam com um karaokê. No fim, todo mundo pegou, e foi inspirador.

V.: Como vocês escolhem a música?
Y.: A primeira coisa: ela deve ser simples. A segunda, e mais importante, a mensagem da canção tem de impactar. Precisa criar um sentimento de união, de compreensão. Afinal, cada um tem de ter paciência com o outro, já que todos estão criando algo juntos.

V.: O que chamou a sua atenção na faixa Tempos Modernos?
Y.: Para mim, a parte que diz: “Eu vejo um novo começo de era / De gente fina, elegante e sincera / Com habilidade pra dizer mais sim do que não”. Ela é tão profunda, aconchegante, que eu fiquei entusiasmado. É como se sentir em casa. espaço

Parque estaiada. Avenida Ulysses de Mattos, 230, Morumbi, ☎ 3042-4673. Domingo (1º), 16h30. R$ 180,00.

Publicidade