Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Blog do Miguel Por Miguel Barbieri Jr. Fique por dentro das melhores dicas de filmes e séries.

4 filmes de mistério da Blumhouse no Amazon Prime Video

A produtora de Corra! lançou quatro longas-metragens na plataforma, incluindo Mentira Incondicional

Por Miguel Barbieri Atualizado em 23 out 2020, 12h42 - Publicado em 22 out 2020, 14h11

A produtora Blumhouse ficou conhecida por Atividade Paranormal, de 2019, um terror de baixo orçamento e gordas bilheterias. A consagração, porém, veio com Corra!, que concorreu a quatro prêmios no Oscar 2018 e levou o de melhor roteiro original para Jordan Peele. O mesmo diretor ainda faria na Blumhouse o elogiado Nós e Spike Lee se rendeu à produtora com Infiltrado na Klan.

A divisão de produções para a TV anda a todo vapor e, em parceria com o Amazon Studios, fez um acordo de lançar com exclusividade oito longas-metragens entre 2019 e 2020. Quatro deles já estão disponíveis no Amazon Prime Video. Eu vi todos e comento abaixo quais valem a pena. Vale lembrar que os filmes da Blumhouse quase sempre circulam pelo sobrenatural, a fantasia, a ficção científica, o suspense, o terror.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90

Mau-Olhado/Evil Eye > É o melhor deles e traz a história de Pallavi (Sunita Mani), uma indiana que mora em Nova Orleans e, quase chegando aos 30 anos, é insistentemente pressionada pela mãe (Sarita Choudhury) a se casar. A jovem, então, conhece Sandeep (Omar Maskati), um empresário bem- sucedido, rico e carinhoso. O partidão, porém, não cai nas graças da mãe, que aconselha a filha a desistir do namoro. O misticismo indiano se une ao sobrenatural numa trama romântica que, aos poucos, se encaminha para o tenso suspense. Vale ver.

Caixa Preta/Black Box > Nolan (Mamoudou Athie) sofreu um acidente de carro seis meses atrás. Sua esposa morreu na tragédia e ele perdeu a memória. Para ajudá-lo a recuperar as lembranças, conta com a ajuda da pequena filha (Amanda Christine). Até que decide participar de uma experiência inédita e revolucionária para ficar curado da amnésia. A produtora Blumhouse investe num thriller futurista, inspirado na série Black Mirror. É preciso se deixar levar pela fantasia para embarcar numa história de mistérios e devaneios ficcionais que tem, ao menos, uma ótima reviravolta. Vale ver.

Continua após a publicidade

Mentira Incondicional/The Lie > Jay (Peter Sarsgaard) está levando sua filha, Kayla (Joey King), para um retiro de balé quando ela encontra a amiga, Britney, esperando o ônibus. A colega pega carona e, logo adiante, pede para fazer uma parada. As garotas saem em direção a um riacho e Kayla retorna para o carro transtornada. Diz que, por ter sido humilhada, jogou Britney de uma ponte. Jay e a esposa, de quem está se separando, entram em desespero. Para proteger a adolescente, eles decidem não levar o caso à polícia. Embora mantenha o interesse, o filme tem um desfecho tão lamentável quanto revoltante. Dei duas estrelas e foi o que eu disse: o filme entretém, mas o final não me agradou.

Noturno/Nocturne > Dá pra dizer que, dos quatro, é o mais artístico e bem dirigido, pois, afinal, tem a música clássica como pano de fundo. A história é sobre a rivalidade de gêmeas. Elas escolheram a carreira de musicista e estudam no mesmo conservatório. Só que Juliet (Sydney Sweeney) é muito mais descolada e talentosa do que (Madison Iseman), uma jovem tímida, reprimida e sem sal. O embate é entre as duas (com conflitos rasos) e o ritmo lento vai cansando, cansando, cansando… Não curti. 

  • Quer me seguir nas redes sociais? Anote: 

    Facebook: facebook.com/paginadoblogdomiguel
    Twitter: @miguelbarbieri
    Instagram: miguelbarbieri
    YouTube: Miguel Barbieri Jr. 

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade