Quatro peças infantis para levar as crianças neste final de semana

Veja dicas de espetáculos com boa avaliação na Vejinha

Que tal assistir boas peças infantis neste final de semana? Selecionamos quatro espetáculos que foram avaliadas pela Vejinha como ótimas opções. No sábado (1) e domingo (2) os pequenos podem conhecer uma narrativa que se passa no rompimento da Barragem de Fundão, em Mariana, partir em uma jornada de confrontos com piratas ou curtir um bom musical. Confira:

Vamos Comprar um Poeta

 (Renato Mangolin/Veja SP)

No musical Vamos Comprar um Poeta dois irmãos interpretados por Letícia Medella e Luan Vieira vivem em uma sociedade na qual tudo é calculado e contabilizado. No mundo fictício, em vez de animais de estimação, as famílias têm o costume de adquirir artistas. A menina pede aos pais um poeta, vivido por Sergio Kauffmann. O poeta dá asas à criatividade dos demais personagens, que passam a apresentar outro olhar para o cotidiano (60min). Rec. a partir de 4 anos. Centro Cultural Banco do Brasil. Rua Álvares Penteado, 112, Centro, ☎ 3113-3651. Sábado, 11h. R$30,00. Até 31 de agosto. 

Tatá o Travesseiro

 (Divulgação/Divulgação)

No enredo de Tatá — O Travesseiro, do grupo carioca artesanal Cia. de Teatro, o menino Lipe tem como melhor amigo seu guardião de sonhos, o travesseiro Tatá. Quando um pirata que não consegue dormir ameaça os dois, eles vão descobrir a coragem para ir mais longe. A hábil manipulação de bonecos, o bom uso do teatro de sombras e os jogos de luzes alimentam a imaginação do público, que acaba viajando junto para uma ilha deserta, e até para o espaço, tudo sem sair da cama do menino (50min). Rec. a partir de 3 anos. Teatro do Sesi. Avenida Paulista, 1313, ☎ 3146-7406. Sábado e domingo, 14h. Gratuito. Até 21 de Julho. 

Vida de Cão – Coração de Herói 

 (Ricardo Avellar/Veja SP)

Em seu último final de semana em cartaz, o espetáculo Vida de Cão — Coração de Herói, da Cia. Mundu Rodá, constrói uma narrativa em meio a um desastre ambiental: o rompimento da barragem de rejeitos de mineração de Fundão, em Mariana, Minas Gerais, em 2015. A trama se passa nos arredores do município e conta a história de um cachorro que ficou preso no telhado de sua casa com a chegada da lama tóxica. O roteiro toma o cuidado de explicar didaticamente à plateia mirim as causas do evento. Rec. a partir de 6 anos. Teatro Anchieta, Sesc Consolação. Rua Doutor Vila Nova, 245, Vila Buarque, ☎ 3234-3000. Sábado, 11h. R$17,00. Até sábado (1).

Ogroleto

 (Marina Cavalcante/Veja SP)

Em cartaz no CCSP, Ogroleto veio para a capital com o grupo Pavilhão da Magnólia, do Ceará. Ogroleto, interpretado por Nelson Albuquerque, é um menino doce porém grande para sua idade. Criado pela mãe, vivida por Silvianne Lima, o garoto tem uma restrição curiosa: ele não pode entrar em contato com a cor vermelha. Ao longo da trama, a plateia descobre a origem do pai de Ogroleto e por que seu futuro parece incerto e tenebroso. Dica: a montagem não é recomendada a crianças com muito medo de escuro. Rec. a partir de 7 anos. Centro Cultural São Paulo. Rua Vergueiro, 1000, ☎ 3397- 4002. Sábado e domingo, 16h. Até o dia 30. R$20,00.

 

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s