AO VIVO – Maior ato político da história, diz Datafolha

São Paulo, 13 de março: Avenida Paulista foi tomada de ponta a ponta em dia de protesto contra a corrupção no país e em defesa do impeachment da presidente Dilma Rousseff. Marcado para as 15h, o ato já tinha milhares de pessoas desde às 11h. Manifestantes criaram um carro em forma de pedalinho, que mostrava Lula de […]

São Paulo, 13 de março: Avenida Paulista foi tomada de ponta a ponta em dia de protesto contra a corrupção no país e em defesa do impeachment da presidente Dilma Rousseff. Marcado para as 15h, o ato já tinha milhares de pessoas desde às 11h.

Manifestantes criaram um carro em forma de pedalinho, que mostrava Lula de presidiário e uma falsa Marisa Letícia de peruca loira. Segundo um dos organizadores, o movimento Vem Pra Rua, 2,5 milhões de pessoas estiveram na Paulista.

Pelos cálculos parciais do instituto Datafolha, 500 000 pessoas estariam reunidas nos protestos por volta das 16h. Nos protestos de março do ano passado, o instituto indicava a reunião de 210.000 pessoas. Dessa forma, a manifestação política deste domingo (13) se tornou a maior da nossa história, superando até o movimento das Diretas Já. A Polícia Militar estimou 1,4 milhão de pessoas no horário de pico.

Às 17h, parte dos manifestantes já começava a dispersão. Entre as figuras públicas que marcaram presença no evento estão Aécio Neves e o governador Geraldo Alckmin, do PSDB. Ambos foram hostilizados e não discursaram.  Abaixo, acompanhe nossa transmissão minuto a minuto.

  • 20h29
    Tatiana Izquierdo

    Foram realizadas manifestações em quase todas as capitais do país. De acordo com a polícia militar, mais de 3.100 milhões de pessoas participaram dos protestos. Já os organizadores, estimam mais de 6.500 milhões de participantes. Ambos os números foram superiores aos da manifestação do ano passado.

  • 20h26
    Tatiana Izquierdo

    Aos poucos, a Avenida Paulista é liberada para o tráfego de carros. No sentido Consolação, entre a Praça Oswaldo Cruz e a Alameda Campinas, os carros já podem circular

    carros-paulista

  • 20h23
    Tatiana Izquierdo

    O paulistano Thiago Santos, de 28 anos, veio à manifestação com seus dois cachorros, junto com sua esposa, um sobrinho, e seus quatro filhos (2, 5, 9 e 12 anos) que carregava no seu carrinho. Ele, que é catador de plástico e ganha 400 reais com reciclagem, conta que veio protestar porque o Lula e o governo do PT o desapontaram. “Morava numa ocupação no centro e tem um mês que fui despejado e hoje moramos nas ruas. Não tenho condições de pagar aluguel. No começo o Lula era um guerreiro, eu o admirava. Minha mãe conseguiu na época dele uma habitação do Cingapura. Depois parece que o dinheiro e o poder subiram a cabeça dele. Ele não é mais humilde.” A conversa é interrompida por um policial militar que pede que liberemos a pista para a circulação de carros na Paulista. Ele conta que conseguiu alimentos para os filhos e as roupas a partir de doações de manifestantes que se sensibilizaram com sua atitude de vir protestar. (Por Adriana Farias)

    catador-rua

  • 20h06
    Tatiana Izquierdo

    Perfil do deputado federal Jean Wyllys (Psol) é hackeado no Facebook com foto de Jair Bolsonaro

  • 19h35
    Daniel Bergamasco

    Agora, o prédio da Fiesp no fundo da imagem, com cover de Elvis Presley em primeiro plano.

    Elvis

     

     

  • 19h33
    Daniel Bergamasco

     

     

     

     

     

    Prédio da Fiesp, entidade contrária à presidente Dilma Rousseff, ficou iluminado com a bandeira do Brasil quando caiu à noite. O local virou ponto disputado para fotos.
    Fiesp

  • 19h26
    Tatiana Izquierdo

    A equipe de limpeza da prefeitura de São Paulo trabalha para tirar o lixo que ficou por toda a Avenida Paulista

    limpeza-paulista

     

  • 19h22
    Daniel Bergamasco

    Datafolha atualizou há pouco sua estimativa de manifestantes na Avenida Paulista: 500 000 pessoas. É mais que o dobro da contagem do instituto para o grande ato de 12 de março do ano passado e o maior ato político da história.

  • 19h21
    Tatiana Izquierdo

    Manifestantes picharam a ciclovia da paulista na altura do MASP com os dizeres ‘Lula ladrão’

    ciclovia

  • 19h06
    Tatiana Izquierdo

    A Secretaria de Segurança Pública informa que as manifestações em todo o Estado de São Paulo foram pacíficas e reuniram 1 milhão e oitocentas mil pessoas. Na Avenida Paulista, a Polícia Militar informa que, aproximadamente, 1 milhão e 400 mil pessoas estiveram presentes no horário de pico. No período das 15h às 16:30h, foram registradas 228 mil pessoas chegando a região, somente pelas estações de Metrô da avenida Paulista.

    O cálculo foi elaborado pelo programa COPOM online, que realiza o georreferenciamento da área, definindo polígonos de concentração de pessoas por meios de inúmeras fotos aéreas e terrestres, contabilizando a própria avenida Paulista, alameda Santos, rua São Carlos do Pinhal e todas as transversais.

  • 18h57
    Tatiana Izquierdo

    Sergio Moro, juiz federal responsável pela Lava Jato, pede que as autoridades eleitas e os partidos ouçam a voz das ruas. “Se comprometam com o combate à corrupção, reforçando nossas instituições e cortando, sem exceção, na própria carne”

    Sabotagem: O juiz Sergio Moro é apontado como membro de uma conspiração armada por adversários do PT

    (Foto: Lailson Santos/VEJA)

  • 18h55
    Helena Galante

    Após fim do protesto, manifestantes seguem para o Shopping Cidade São Paulo, na Avenida Paulista. Loja de chocolates Lindt é uma das mais procuradas.foto (3)

  • 18h55
    Tatiana Izquierdo

    Polícia Militar confirma que 1,4 milhão de pessoas na Avenida Paulista e arredores durante a manifestação contra o governo neste Domingo

  • 18h52
    Tatiana Izquierdo

    “Dilma e Temer vão cair, vão convocar novas eleições e eu serei candidato”, diz Levy Fidelix

  • 18h48
    Tatiana Izquierdo

    Muita fila para entrar, comprar bilhetes e passar nas catracas da estação Paulista do metrô (linha amarela). Além dos problemas na hora de ir embora, muito lixo pela estação

    lixo-paulista

  • 18h45
    Tatiana Izquierdo

    Com as ruas no entorno da Avenida Paulista sendo esvaziadas, é possível ver muito lixo pelo chão.  O cruzamento da Alameda Campinas é um dos exemplos

    lixo-campinas

  • 18h40
    Tatiana Izquierdo

    O grupo Revoltados Online se despede da manifestação cantando Queen. A música escolhida é ‘We Are The Champion’. A banda que ecoa a música chama-se Rock Conection e deixa muitos paulistanos emocionados.

     

  • 18h37
    Tatiana Izquierdo

    A Globo News informou que a Secretaria de Segurança Pública divulgou que 1,4 milhão de pessoas estiveram na tarde deste domingo na Avenida Paulista. Em todo o estado de São Paulo, foram 1,8 milhão de pessoas. A assessoria de imprensa, porém, não confirmou ainda os números.

    São Paulo, São Paulo, Brasil - Manifestantes durante ato "Vem Pra Rua" na tarde  desse domingo (13) na Avenida Paulista. Foto: Léo Pinheiro/Veja

    Manifestantes durante ato “Vem Pra Rua” na tarde desse domingo (13) na Avenida Paulista. Foto: Léo Pinheiro/Veja

  • 18h33
    Tatiana Izquierdo

    Ao identificar o ex-BBB Diego Alemão entre os manifestantes no carro de som do grupo Revoltados on-line, o deputado federal Eduardo Bolsoraro disse: “Parabéns Alemão, você pelo menos é alguém de caráter do BBB, não é igual ao Jean Willys” (Por João Pedroso de Campos)

    diego-alemao

     

  • 18h31
    Tatiana Izquierdo

    O cantor Paulo Ricardo fez os manifestantes dançarem com o refrão da música Rádio Pirada: “toquem o meu coração, façam a revolução”. O artista disse que “basta” de corrupção e de fazer da politica “um balcão de negócios”.  (Por Nicole Fusco)

    paulo-ricardo2

  • 18h27
    Tatiana Izquierdo

    Manifestantes estão com os ânimos exaltados na hora de ir embora, pela Alameda Santos. Manifestantes se irritam com um senhor de idade que para o carro em frente ao estacionamento de um prédio ao tentar se desvencilhar de trânsito. Ele desce do carro para reclamar com aqueles que o insultam, mas volta rapidamente e tranca a porta após um grupo vir para cima dele. Uma senhora da tapas na lataria do carro e questiona. “Esse velho tá achando o quê? Deve ser petista”, disse apesar do homem estar vestindo uma camiseta amarela. Outra mulher usa uma bandeira para bater no carro e o chuta. (Por Adriana Farias)

    idoso-paulista

  • 18h18
    Tatiana Izquierdo

    Manifestante queima bandeira do PT durante ato na Paulista

  • 18h17
    Tatiana Izquierdo

    O cantor Paulo Ricardo participa da manifestação na Avenida Paulista

    (Foto: Sérgio Quintella)

    Paulo Ricardo usa camiseta com a mão do ex-presidente Lula e os dizeres: ‘Basta!’ (Foto: Sérgio Quintella)

  • 18h11
    Daniel Bergamasco

    À medida em que o dia cai, público começa a se dispersar. Na foto, Avenida Doutor Arnaldo.

    z10

    (Foto Alecsandra Zapparoli)

  • 18h08
    Daniel Bergamasco

     

    Lollapalooza? Cartaz faz piada com o evento musical

    z1

     

    (Foto Alecsandra Zapparoli)

  • 18h00
    Larissa Faria

    A Senadora Marta Suplicy pronunciou-se em sua página no Facebook sobre as agressões sofridas durante sua presença na manifestação, no prédio da FIESP: “Registre-se que uma única pessoa, um senhor acompanhado de uma mulher, exclamou em voz alta a frase PMDB é igual ao PT. (…) Um cara me maltratou, apenas. Nada que me tirasse a alegria de estar compartilhando um dia histórico para nossa democracia. Chega de corrupção.”

    marta suplicy

    (Foto: Reprodução/Facebook Marta Suplicy)

  • 17h59
    Daniel Bergamasco

    Lula Pixuleco e Dilbandida, dois clássicos da manifestação antiPT

    (foto Alecsandra Zapparoli)

    z3

  • 17h59
    Tatiana Izquierdo

    Na avaliação de Kim Kataguiri, um dos líderes do Movimento Brasil Livre (MBL), os manifestantes que saíram as ruas neste domingo estão mais inflamados do que nos demais atos que aconteceram ao longo do ano passado. “É a primeira vez que eles têm uma perspectiva política a curto prazo tão clara”, disse. “Os manifestantes estão falando mais no futuro do país, no pós-Dilma, do que só em tirar o governo”, concluiu Kataguiri

    kim-katiguiri

  • 17h55
    Tatiana Izquierdo

    Estação Paulista está funcionando com apenas uma entrada (ao lado do Cine Caixa Belas Artes)

    estacao-paulista

  • 17h52
    Tatiana Izquierdo

    Pessoas que participaram da manifestação bloqueiam rua entre a Alameda Casa Branca e a Praça Alexandre Gusmão. Ônibus ficou “entalado” durante duas horas e passageiros tiveram que descer. Aos poucos a polícia e a CET estão tentando dispersar o público, sem sucesso

    onibus-entalado

  • 17h50
    Tatiana Izquierdo

    Massa de manifestantes indo embora da Avenida Paulista pela Avenida Doutor Arnaldo, sentido estação Clínicas do metrô (linha verde)

    manifestantes-embora

  • 17h28
    Daniel Bergamasco

    Movimento Vem Pra Rua fala em 2,5 milhões de manifestantes na Paulista.

  • 17h24
    Daniel Bergamasco

    Em contagem parcial, Datafolha registra 450 000 pessoas na Avenida Paulista, maior manifestação política da história, superando até o movimento das Diretas Já.

  • 17h21
    Daniel Bergamasco

    Manifestante contrária aos atos deste 13 de Março foi presa. As informações são da Polícia Militar:

  • 17h16
    Daniel Bergamasco

    O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o senador Aécio Neves, ambos do PSDB, foram hostilizados neste domingo ao chegar à manifestação contra o governo Dilma Rousseff na Avenida Paulista. Algumas pessoas gritaram “oportunista”, enquanto eles passavam em meio à multidão. A dupla tucana chegou ao protesto de van, saída do Palácio dos Bandeirantes, e discursaria no carro do Movimento Brasil Livre (MBL). Dada a reação dos manifestantes, os dois acabaram desistindo da ideia e permanecendo na ala vip do MBL. (João Pedroso de Campos, de São Paulo)

  • 16h59
    Tatiana Izquierdo

    Após discursar no carro do movimento Vem Pra Rua, o jurista Hélio Bicudo, fundador do PT e autor do pedido de impeachment de Dilma, deixa a manifestação escoltado por ao menos 8 pessoas que fazem um círculo em sua volta. Ele é aplaudido na descida pela rua Pamplona e uma manifestante tenta furar o círculo de proteção para cumprimentá-lo. Muitas mulheres manifestantes o chamam de fofo e se emocionam com sua passagem à passos lentos. (Por Adriana Farias)

    helico-bicudo

  • 16h57
    Tatiana Izquierdo

    Apesar do grande fluxo de gente na entrada do metrô Consolação, os agentes afirmam que a plataforma não está cheia e opera normalmente

  • 16h51
    Tatiana Izquierdo

    A estação Consolação do metrô utiliza o lado par para o desembarque, e o lado ímpar para embarque. Funcionando apenas uma das duas entradas.

    estacao-consolacao

  • 16h47
    Tatiana Izquierdo

    O senador José Serra entrou na manifestação via Rua Pamplona, onde está o carro do movimento Vem pra Rua por volta das 16:30h. A reportagem não conseguiu se aproximar do político devido a aglomeração de pessoas. Havia ao menos quatro seguranças com ele que foi aplaudido com gritos de “nosso presidente”. (Por Adriana Farias)

  • 16h44
    Tatiana Izquierdo

    Sobre o fechamento das estações Consolação e Trianon/Masp, a Secretaria de Transportes Metropolitanos informa que “não há estação fechada, o que ocorre é uma operação de controle de fluxo, pois há muita gente chegando e parte das pessoas já começam a deixar a avenida Paulista”

  • 16h40
    Tatiana Izquierdo

    Manifestantes já começam a deixar a região da Avenida Paulista, rumando sentido linha amarela

    manifestantes-embora

  • 16h38
    Tatiana Izquierdo

    Manifestantes tentam entrar no restaurante Páteo, na esquina das Alamedas Jaú e Pamplona, mas ficam frustrados. “O almoço foi muito intenso pra gente e a cozinha não vai conseguir suprir”, diz funcionária (Por Mariana Oliveira)

    pateo-restaurante

  • 16h36
    Tatiana Izquierdo

    Manifestantes que vieram ao protesto de carro passam por transtorno para voltar para casa. Um estacionamento com entrada pela Alameda Pamplona e saída pela Alameda Santos, tem fila com mais de dez automóveis tentando sair. “Tem gente que já está deixando o carro e pagando a pernoite”, diz funcionário. (Por Mariana Oliveira)

    carro-protesto

  • 16h33
    Tatiana Izquierdo

    Dois jovens vestidos de vermelho passam em meio a manifestação e provocam olhares indignados, mas não são hostilizados no trajeto para a rua Pamplona. “Esses aí estão pedindo”, diz uma manifestante. Welks e Aparecido disseram que vieram da Bahia para curtir o Lollapalooza ontem e resolveram aparecer na Paulista para “ver qual é. A camiseta vermelha foi só ‘coincidência”. (Por Adriana Farias, de São Paulo)

    camiseta-vermelha

     

  • 16h30
    Tatiana Izquierdo

    Loja da rede Riachuelo libera acesso para os manifestantes usarem o terraço durante ato na Avenida Paulista. Todos eles receberam guarda-chuvas com a palavra impeachment

    terraco-riachuelo

     

  • 16h19
    Tatiana Izquierdo

    Em seu Twitter, Ronaldo Caiado publica foto de homem imitando a presidente Dilma Rousseff e segurando um cartaz com os dizeres: “Fora eu”

    //instagram.com/p/BC5YsBmHsec/embed/

  • 16h16
    Tatiana Izquierdo

    Enquanto o Hino Nacional é executado pelo carro de som do movimento Endireita Brasil, manifestantes fazem fila por uma foto no pedalinho, ícone do sítio de Atibaia, ao lado do ‘Lula presidiário’

    lula-pedalinho

  • 16h16
    Daniel Bergamasco

    Loja da Riachuelo aderiu ao protesto de hoje de forma tão sutil quanto clara: manequins vestidos de verde, amarelo, azul e branco, cores da bandeira brasileira que são a regra entre os manifestantes.
    Riachuelo

  • 16h15
    Tatiana Izquierdo

    A estação Consolação do metrô também está fechada para o embarque.

  • 16h13
    Tatiana Izquierdo

    As portas da estação Trianon/Masp (linha verde) estão fechadas

  • 16h12
    Tatiana Izquierdo

    Alameda Santos, paralela a Avenida Paulista, está tomada de manifestantes.

    alameda-santos

  • 16h07
    Tatiana Izquierdo

    Aécio Neves publica foto em seu Twitter ao lado de Geraldo Alckmin e outros partidários do PSDB. “O que nós estamos vendo é o Brasil tomando o seu futuro nas mãos. Essa semana o Congresso vai instalar a comissão do impeachment e nós vamos aguardar com serenidade”, disse Aécio Neves já na Avenida Paulista. (Por Nicole Fusco, de São Paulo).

    (Foto: Reprodução/Twitter)

    (Foto: Reprodução/Twitter)

  • 15h57
    Tatiana Izquierdo

    Antes de ser hostilizada em frente a FIESP, a Senadora Marta Suplicy publicou um vídeo em seu Facebook convocando as pessoas para a manifestação na Avenida Paulista

  • 15h56
    Tatiana Izquierdo

    Mais de 23 quarteirões estão tomados por manifestantes na Avenida Paulista. A região segue com trânsito interditado.

  • 15h54
    Tatiana Izquierdo

    Avenida Paulista vista do alto de um prédio na altura da rua Peixoto Gomide

    (Foto: Alexandre Nobeschi/Veja São Paulo)

    (Foto: Alexandre Nobeschi/Veja São Paulo)

     

  • 15h51
    Tatiana Izquierdo

    Marta Suplicy deu entrevista em frente à FIESP e foi hostilizada. Foram ouvidos gritos de ‘fora PT’ e ‘minha bandeira nunca será vermelha’, apesar da candidata não fazer mais parte do partido e ser filiada ao PMDB/SP. Um segurança da FIESP informou que ela saiu escoltada, mas não sabe para onde. Procurada, a assessoria de imprensa da Senadora não foi localizada. (Por Adriana Farias)

    (Foto: Reprodução/Facebook)

    (Foto: Reprodução/Facebook)

     

  • 15h46
    Tatiana Izquierdo

    Vista geral da Avenida Paulista

    São Paulo, São Paulo, Brasil - Manifestantes durante ato "Vem Pra Rua" na tarde  desse domingo (13) na Avenida Paulista. Foto: Léo Pinheiro/Veja

    Manifestantes durante manifestação na tarde desse domingo (13) na Avenida Paulista. (Foto: Léo Pinheiro/Veja)

  • 15h45
    Sophia Braun

    Manifestantes levaram uma jararaca de brinquedo para protestar. Trata-se de uma referência ao discurso do ex-presidente Lula, que usou a cobra numa série de metáforas.

    Jararaca

  • 15h43
    Tatiana Izquierdo

    Manifestantes não conseguem subir até a Avenida Paulista e andam pela Alameda Santos. Nos carros, motoristas não saem do lugar. A Rua da Consolação está tomada nos dois sentidos mas a CET libera parcialmente as faixas sentido Jardins.

    manifestantes

     

  • 15h41
    Helena Galante

    Neste momento, a Estação Consolação, na linha amarela do metrô, está lotada de manifestantes. foto (1)

  • 15h40
    Tatiana Izquierdo

    Ronaldo Caiado, líder do DEM no Senado, chega para a manifestação por volta das 15h. “Derruba ela (Dilma) senador”, diz um manifestante que o cumprimenta. “Vai dar certo”, diz ele animado. “Queremos vê-lo na presidência”, diz outro. Outros não sabiam quem ele era e perguntavam entre si querendo saber se valia uma selfie. Caiado é um dos que está à frente do processo de impeachment de Dilma. (Por Adriana Farias, SP)

    caiado2

     

  • 15h38
    Helena Galante

    Todas as linhas de metrô estão operando normalmente na tarde desde domingo. Movimento na linha-2, verde, está intenso, com vagões e plataformas lotadas. Trânsito de carros na região da Avenida Paulista está complicado, especialmente nas esquinas com a Peixoto Gomide e a Alameda Casa Branca.foto

  • 15h37
    Tatiana Izquierdo

    Neste momento, Avenida Paulista está tomada por pessoas vestindo verde e amarelo

    paulista-lotada

  • 15h34
    Sophia Braun

    Espécie de mascote das manifestações, o boneco Pixuleco teve o estoque esgotado na loja on-line do Movimento Brasil Livre. Camisetas com estampas como “#Esse Impeachment é meu!” custam a partir de 30 reais.

    Pixuleco indisponivel

  • 15h29
    Tatiana Izquierdo

    Vídeo em time-lapse mostra a movimentação crescente na Avenida Paulista durante a manifestação deste domingo

  • 15h28
    Helena Galante

    Manifestantes se reúnem em frente ao Edifício Solaris, no Guarujá. Faixas fazem menções a Lula e ao apartamento triplex do condomínio.

    solaris

  • 15h21
    Daniel Bergamasco

    Para evitar filas, Metrô de São Paulo está deslocando funcionários de outros setores para as bilheterias. Fluxo é bastante intenso, mas não houve registro de ocorrências. “Movimento hoje é igual ou maior que o dos protestos de março do ano passado”, disse a VEJA SÃO PAULO Clodoaldo Pelissioni, secretário estadual de Transportes Metropolitanos.

     

  • 15h18
    Tatiana Izquierdo

    Deputados e senadores da oposiçao estão reunidos no hotel Maksoud, próximo a Avenida Paulista, neste domingo, para protestarem. Na avaliação dos parlamentares, o impeachment da presidente Dilma Rousseff é “inevitável” e “irreversível”. “Nos, parlamentares, percebemos que esse não é um ato das grandes capitais como São Paulo e Rio de Janeiro. Cidades menores também estão nas ruas e essa é a nossa base eleitoral”, disse o Senador Ronaldo Caiado (DEM-GO). “O recado que a rua está passando é de que ‘nos fizemos nossa parte, agora os senhores cumpram as suas’”, completou. (Por Nicole Fusco, de São Paulo)

    (Foto: Nicole Fusco)

    (Foto: Nicole Fusco)

  • 15h15
    Tatiana Izquierdo

    De acordo com o Twitter da Polícia Militar de SP, mulher, contrária à manifestação, causa tumulto no MASP, arremessa garrafa d’água contra PMs e, por fim, é presa por desacato. A ocorrência está no 78º D.P.

  • 15h14
    Tatiana Izquierdo

    Os organizadores das manifestações desta tarde falam em 2 milhões de pessoas na Avenida Paulista. Números oficiais só serão divulgados após os protestos pelos órgãos competentes.

    Avenida Paulista tomada por manifestantes (Foto: Miguel Schincariol/AFP)

    Avenida Paulista tomada por manifestantes (Foto: Miguel Schincariol/AFP)

  • 15h05
    Daniel Bergamasco

    Rodrigo Scarpa, o Repórter Vesgo, do Pânico, levou cartaz distribuído pela rede Habbib’s para se manifestar contra a corrupção no Rio

    vesgo2

  • 15h02
    Tatiana Izquierdo

    Manifestantes usam camiseta a favor do juiz Sérgio Moro, criada pela grife de Sérgio K. Os dizeres: ‘In Moro We Trust’

    camiseta-moro

  • 15h00
    Larissa Faria

    Grupo se manifesta em frente ao triplex que seria do ex-presidente Lula, no Guarujá, litoral de São Paulo.
    triplex lula guaruja

     

  • 15h00
    Tatiana Izquierdo

    Uma faixa contra a máfia das merendas escolares é estendida na Avenida Paulista e manifestantes promovem vaia contra os protestantes

    faixa-capez

  • 14h58
    Tatiana Izquierdo

    Enquanto os militantes do PT são motivo de chacota por receberem pão com mortadela em troca da presença em atos do partido, o Movimento Brasil Livre ‘gourmetiza’ seu protesto. Uma das opções a quem ficar com fome durante o trajeto na Avenida Paulista são os cupcakes do MBL, que saem por 20 reais cada. Opções de cobertura: Nilson Ishii, o japonês da federal, a bandeira do Brasil e uma caricatura de Dilma

    cupcakes

     

  • 14h53
    Tatiana Izquierdo

    A Avenida Paulista está tomada por manifestantes. A foto é da altura do cruzamento com a rua Peixoto Gomide.

    paulista-tomada

  • 14h51
    Tatiana Izquierdo

    Na estação Paulista/Consolação, o encontro entre o público que se dirige até o Lollapaloza e os manifestantes que acompanham o protesto. Está indo para o festival de música? Não deixe de conferir sete dicas para aproveitar bem o evento.

    encontro-lolla-manifestacao

  • 14h48
    Tatiana Izquierdo

    Eva Farah decidiu protestar pedindo o juiz federal Sérgio Moro em casamento e disse: “Sergio Moro é a referência do que um homem deveria ser nesse país”.

    eva

  • 14h12
    Tatiana Izquierdo

    Um grupo de 10 amigos formado por arquitetos, administradores, advogados e artistas plásticos confeccionou um “pedalão do Lula”. Ancorado em cima de um pequeno caminhão com a inscrição “odebreshit”, o pedalinho mostra um casal em alusão à Lula e Marisa. A cena foi recriada baseada nos pedalinhos encontrados pela Polícia Federal no sítio de Atibaia, interior de São Paulo.

    pedalinho

     

  • 14h07
    Tatiana Izquierdo

    Vista geral da Avenida Paulista

    visao-geral-paulista

  • 14h05
    Tatiana Izquierdo

    Manifestantes levam faixas com rimas contra o ex-presidente Lula

    manifestantes-paulista

  • 14h03
    Tatiana Izquierdo

    Em frente ao Edifício Scarpa, uma faixa assinada pelo milionário Chiquinho Scarpa diz “não a guerra de classes” e pede união pelo Brasil. O prédio fica próximo ao cruzamento da Ávenida Paulista com a rua Peixoto Gomide.

    chiquinho-scarpa

  • 14h01
    Daniel Bergamasco

    Em Maceió, manifestantes criaram o boneco “jararaco”, com cabeça de Lula e corpo de cobra. É um referência ao discurso do ex-presidente do qual ele disse, por ocasião da condução coercitiva, que, se queriam matar a jararaca, acertaram o rabo e não pisaram na cabeça.

    Jararaco

  • 13h55
    Daniel Bergamasco

    Locomoção na altura do MASP já está complicada. Menos de duas horas do horário marcado, a via tem, neste ponto, já tem bastante manifestantes

    Paulista

  • 13h52
    Daniel Bergamasco

    Outra imagem do chef Henrique Fogaça, do Cão Véio e Sal Gastronomia, na Avenida Paulista.
    No Rio, lista de famosos no ato inclui Suzana Vieira, Marcio Garcia, Cassa Kis, Marcelo Serrado e outros.

    fogaça3

     

  • 13h31
    Sophia Braun

    Pixuleco também é negócio. Na Avenida Paulista, um boneco custa 15 reais e dois saem a 20 reais. As informações são do repórter Gabriel Bentley.

    Manifestacao - pixulecos WEB

  • 13h31
    Daniel Bergamasco

    Chef Henrique Fogaça, jurado do programa MasterChef, chega na manifestação da Avenida Paulista. Foi um dos mais assediados para selfies.

    henrique-fogaça-WEB

  • 12h58
    Sophia Braun

    Um grupo de pessoas está reunido em frente ao prédio de Luiz Inácio Lula da Silva, em São Bernardo do Campo (SP), para manifestar apoio ao ex-presidente.

    Mani9festacao - casa do lula WEB

  • 12h33
    Sophia Braun

    Os motoqueiros já fazem barulho por aqui. Eles passaram pela Alameda Santos, no sentido Paraíso, e agora percorrem a Avenida 23 de Maio pelo Viaduto Jaceguai.

    Manifestacao - motoqueirosWEB

  • 12h21
    Sophia Braun

    Em frente ao prédio da Gazeta, um dos caminhões de som toca paródias sertanejas com letras sobre política. “To prendendo todo mundo, 99% rico, doleiro, mas aquele 1% é vagabundo”, diz a versão da música de Wesley Safadão.

    Manifestacao - caminhao de som WEB

  • 12h10
    Sophia Braun

    A programação do projeto “Fiesp/Sesi – Domingo na Paulista” não foi alterada por causa do protesto. Alguns manifestantes até participaram da aula aberta de zumba, ministrada em um palco de frente para a avenida.

    bloggif_56e5836b678f5

  • 11h58
    Sophia Braun

    Fique ligado: viaturas da PM e da CET bloqueiam as entradas das ruas laterais do Masp. Circulam por lá apenas carros de som. A ciclofaixa de lazer funciona normalmente, bem como a feira de artesanato que se estende pela calçada em frente ao Parque Trianon.

    Manifestacao - ciclofaixa

  • 11h49
    Sophia Braun

    Bom dia. Acompanhe em tempo real a manifestação deste domingo (13), na Avenida Paulista. Vendedores ambulantes, policiais e alguns manifestantes já estão por lá. As informações são da repórter Mariana Oliveira.

  •  

    Comentários
    Deixe um comentário

    Olá,

    * A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google

    Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    Conectando a %s