Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Bom Trabalho Por Blog Dicas de como resolver dilemas profissionais e acelerar sua carreira

Como se dar bem na entrevista de emprego

Muitas vezes, o candidato perde uma ótima oportunidade de trabalho por não ir bem na entrevista de emprego. Anote as dicas abaixo e se prepare para impressionar! Chegue antes do horário marcado e desligue o celular: reunião agendada para 8h30? Esteja lá 8h20, no máximo. Assim você terá tempo para conhecer o ambiente e diminuir a […]

Por sergioluz Atualizado em 25 fev 2017, 21h44 - Publicado em 7 out 2016, 14h51

boaentrevistaMuitas vezes, o candidato perde uma ótima oportunidade de trabalho por não ir bem na entrevista de emprego. Anote as dicas abaixo e se prepare para impressionar!

Chegue antes do horário marcado e desligue o celular: reunião agendada para 8h30? Esteja lá 8h20, no máximo. Assim você terá tempo para conhecer o ambiente e diminuir a ansiedade, natural nesses momentos.

Esteja preparado: estude o máximo possível sobre a companhia, pesquise na web e fale com pessoas que trabalham lá. Se a entrevista for em uma agência de empregos e o nome da companhia não for revelado,  pesquise sobre o entrevistador com quem falará – idade, histórico escolar e profissional etc. Quanto mais informações coletar, melhor.

Conte sua história em trinta minutos: treine bastante para uma entrevista. Cronometre no relógio para que consiga dividir em três etapas sua história. Use cinco minutos para contar seu histórico pessoal, escolas e faculdades. Mais vinte minutos para falar da sua trajetória nas empresas e cargos pelos quais passou, sempre elencando os fatos mais relevantes em cada passagem Nos cinco minutos finais, explique porquê se sente preparado para um próximo projeto.

Não vista a fantasia de Super-Homem: na tentativa de valorizar o passe, alguns executivos acabam pecando pelo excesso. “Eu salvei a empresa, o recorde de vendas daquele ano foi por minha causa, eu fui o profissional que criou aquele produto etc..”. Por mais que sua participação tenha sido relevante, NINGUÉM FAZ NADA SOZINHO. Falar sobre seus feitos de forma exagerada pode demonstrar insegurança e imaturidade.

Identifique como poderia ter agido melhor nas experiências passadas: ao citar experiências profissionais anteriores, ressalte os pontos nos quais poderia ter ido melhor e o que aprendeu naquelas experiências. Além disso, evite colocar a culpa 100% na empresa para explicar o motivo de sua saída (meu chefe pegava no meu pé, ninguém gostava de mim porque eu era muito duro, etc…).

Continua após a publicidade

Fique atento aos sinais do entrevistador: é fundamental assegurar que o seu papo está interessante. Se perceber desinteresse por parte do interlocutor (olhadas no relógio, bocejos, etc), procure mudar o rumo da conversa. Quem tem a perder é você!

 

 

 

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade