Clique e assine por apenas 5,90/mês
Beleza de Blog Novidades sobre o mundo da beleza

Testamos: novos batons líquidos Niina Secrets da Eudora

São cinco tons matificados entre o rosa e o vermelho. Veja quais valem a compra

Por Mariani Campos - Atualizado em 15 out 2020, 11h28 - Publicado em 29 set 2020, 15h46

Começa hoje (29/09) a venda da linha de maquiagens da blogueira Niina Secrets (@niinasecrets) em parceria com a Eudora, marca de cosméticos brasileira do grupo Boticário. Com base, lipbalm, primer, esponja, batons líquidos e paleta de sombras, as makes são 100% veganas e levam óleo de rosas e um complexo de vitaminas em sua composição. Parte de uma das primeiras gerações de influenciadoras digitais, Bruna Santina Martins (25) tem o blog e canal no Youtube desde 2010 e ficou entre os 30 jovens mais promissores segundo a Forbes no Brasil em 2016.

A Vejinha testou as cinco cores de batons líquidos. Chamados Secrets Skinny Matte (R$ 35,90), são bem pigmentados e têm a textura leve, não sendo necessário (há exceções) construir várias camadas para que a cor fique forte (duas já bastam). A fixação é boa e não transfere muito, mas não sobrevive a um lanche, por exemplo. O cheiro não agrada e o gosto também não (senti quando parei para comer e não foi uma boa experiência). Eles também não craquelam, mas vale lembrar que todo batom craquela se os lábios não estiverem hidratados, então recomendo fazer uma leve esfoliação e passar um balm na noite anterior ao uso. Confira o que achamos de cada cor:

Rosê Gardênia

Mariani Campos/Veja SP

É um rosa bem clarinho e muito bonito, mas difícil de passar. Ficam manchas na boca então é preciso passar várias camadas até que o tom fique uniforme, o que carrega muito os lábios.

Terracota Orquídea

Mariani Campos/Veja SP

Segundo tom mais claro da linha, é mais fácil de passar que o Rosê Gardênia mas também precisa de um reforço para ficar uniforme.

Pink Peônia

Continua após a publicidade
Mariani Campos/Veja SP

+Assine a Vejinha a partir de 6,90

Fácil de passar e super impactante, o Pink Peônia faz jus ao nome: é um rosa bem forte, não precisam mais do que duas passadas para o tom ficar uniforme. Um pouco difícil de tirar, a pele pode ficar manchada (os cantinhos da minha boca ficaram rosa). A cor é um pouco mais fechada do que na foto acima, tirada na luz do dia.

Vermelho Hibisco

Mariani Campos/Veja SP

Igualmente fácil de passar, o Vermelho Hibisco é suuuper pigmentado. Mesmo forte não carrega o visual, mas é melhor apostar em uma make neutra no restante do rosto. A pele pode ficar manchada na hora de tirar. A cor é um pouco mais fechada do que na foto acima, tirada na luz do dia.

Vinho Jasmin

Mariani Campos/Veja SP

Costumo fazer uso frequente de batons líquidos, mas esse foi um dos mais difíceis de passar que eu já testei (tanto que o resultado não ficou lá essas coisas). Recomendo estar munido de um lápis de contorno labial, vai facilitar o trabalho. Na luz branca fica um tom de vinho um pouco terroso, enquanto na luz natural a cor já vira um roxão bem escuro. Mancha bastante a pele na hora de tirar.

Vale a pena?

Os tons mais escuros sim. São bem pigmentados e as cores estão lindas, ainda que manchem a pele na hora de tirar. Os tons mais claros não me encantaram tanto pela dificuldade na aplicação, mas não deixam de ser boas nuances para ter na necessaire. A fixação não é excelente, ao longo do dia um ou dois retoques são necessários principalmente após as refeições. Como prometido, nenhum deles craquela e o preço também é um ponto positivo.

Continua após a publicidade
Publicidade