Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Arte ao Redor Tatiane de Assis é repórter da Veja SP. Acredita que as artes visuais podem aproximar pessoas e descortinar novas facetas da vida.

Susan Meiselas ganha exposição no Instituto Moreira Salles

Mostra traz fotografias que a americana produziu desde os anos 70 até hoje

Por Tatiane de Assis 11 out 2019, 11h03

Mediações traz um panorama da carreira da fotógrafa americana Susan Meiselas, que aparece no autorretrato acima, feito em 1971. O conjunto, que inclui imagens, cartas e outros documentos que ela produziu desde os anos 70, traz a série As Moças da Rua Prince (1975-1990). Nesse trabalho, ela acompanhou desde a meninice um grupo de garotas em Nova York. A partir da terça (15), também será apresentado Show de Strippers (1972-1975), de retratos pouco glamourosos de performers sedutoras. As imagens, feitas na Nicarágua durante a revolução sandinista, também estão por lá. Amarrá-las ao resto do conjunto parece estranho, mas é possível. “O que une o trajeto da Susan é o empenho em fazer da fotografia um meio para reconstruir a história. Em vez de ir e fotografar, ela fica no lugar. Conversa, anota e grava o que as pessoas dizem”, explica o coordenador executivo cultural do IMS, samuel Titan Jr.

Instituto Moreira Salles

Avenida Paulista, 2424, ☎ 2842-9120. Terça a domingo, 10h às 20h; às quintas, exceto feriados, até as 22h. Grátis. Até 16 de fevereiro de 2020.

Publicidade