Artista cria máquina que “cria trovões” e monjolo musical

Obras são parte da exposição Invenções Híbridas, de Paulo Nenflídio, na Caixa Cultural

A Caixa Cultural abriga no 1o piso Invenções Híbridas, com dezenove criações de Paulo Nenflídio, entre elas Máquina de Trovão (acima; 2014). “É uma escultura musical, com uma chapa de cobre, que é impulsionada por um eletroímã, o qual faz com que se produzam sons parecidos com os ventos e raios”, explica Nenflídio, que une várias áreas, ao modo de Leonardo da Vinci (1452-1519). Na delicada Monjolofone (2010), ele junta hidráulica, música e artes visuais. Tubulações alimentam torneiras, que, abertas, impulsionam monjolos em direção a placas metálicas, em um melodia sutil. “É um breve panorama do meu trabalho. se fosse uma retrospectiva, precisaria de três andares”, define o artista paulista, que tem obras exibidas em pequenos focos brilhantes dentro de um espaço vazio escuro.

Caixa Cultural

Praça da Sé, 111, Sé, ☎ 3321-4400. Terça a domingo, 9h/ 19h. Grátis. Até 3 de novembro.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s