Clique e assine por apenas 6,90/mês
Arte ao Redor Tatiane de Assis é repórter da Veja SP. Acredita que as artes visuais podem aproximar pessoas e descortinar novas facetas da vida.

Artistas fazem exposição para homenagear obra de grafiteiro

Tec, Tinho e mais de vinte outros personagens da cena cultural paulistana vendem trabalhos no 'Art Life Legacy'

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 5 Feb 2020, 13h42 - Publicado em 19 Oct 2019, 10h24

A galeria Choque Cultural, na Vila Madalena, recebe a partir deste sábado (19) a exposição Art Life Legacy. Vinte e seis artistas expõem seus trabalhos até o próximo dia 30, com toda renda das vendas revertida para a família do grafiteiro Anderson Augusto, conhecido como São, que morreu recentemente vítima de um câncer. Entre os expositores, estão artistas como Tec, Tinho, Cesar Profeta e Paulo Ito.

Nascido em Ourinhos, no interior do estado, São se mudou jovem para São Paulo e se instalou na Barra Funda, Zona Oeste da capital. Ali, juntamente com seu parceiro Leonardo Dellafuente, fundaram o coletivo 6emeia. A dupla se destacou criando a tradição de fazer pinturas de bueiro, ressignificando um espaço considerado pouco nobre até então com uma abordagem única.

São também tocava um projeto paralelo, focado em muralismo. Ele deixa mulher e um filho. A exposição fica no Choque Cultural (R. Medeiros de Albuquerque, 250) até dia 30 de outubro e funciona de terça a domingo, das 12h às 17h.

Trampo do 6emeia, em bueiro da cidade Instagram/6emeia/Reprodução
Publicidade