Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Prediction

VejaSP:

Resenha por Julia Flamingo

Como seria o mundo tomado pelo pecado? Esse é o ponto de partida de Prediction, coletiva da galeria Mendes Wood DM. A resposta é dada por trinta artistas de todo o mundo. Eles constroem uma espécie de “ilha das previsões”, um futuro imaginário no qual o ser humano se entrega totalmente às suas paixões, sem se importar com as consequências ou os julgamentos morais. O curador, o italiano Milovan Farronato (ele próprio um cross-dresser), não impõe limites à criação dessa realidade luxuriosa. Num trabalho de erotismo subliminar, por exemplo, o inglês George Henry Longly mostra uma escultura com buracos pelos quais passeiam cobras de verdade. Isoladas numa cúpula de vidro, três jiboias ficarão por lá até o fim do evento, em agosto. Proposta pela búlgara Zhana Ivanova, outra performance tem longa duração. Usando fones de ouvido, dois visitantes receberão instruções para interagir entre eles, sem saber aonde essa nova relação pode chegar. Durante a abertura, marcada para sábado, dia 29 de maio, o ator de filme pornô Rogê Ferro interage com uma escultura, enquanto dois bailarinos apresentam uma dança de acasalamento ao som de um poema japonês feito para gueixas. Já o alemão Philip Wiegard preenche um ambiente de dois andares da galeria com um papel de parede colorido e retratos de Wilhelm von Gloeden, pioneiro de fotografia de nu masculino ao ar livre. Irônica e provocativa, a mostra não é para qualquer um. Literalmente. A classifcação indicativa é de 18 anos. De 29/5/2016. Até 6/8/2016.

    info
  • Recomendação: 18 anos
Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.