Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Jornada de um Imbecil até o Entendimento

Tipos de Gêneros dramáticos: Comédia dramática
VejaSP:
  • Direção: Helio Cicero
  • Duração: 100 minutos
  • Recomendação: 14 anos

Resenha por Dirceu Alves Jr.

Texto pouco visto de Plínio Marcos (1935-1999), a comédia dramática Jornada de um Imbecil até o Entendimento (1968) chega ao fim da segunda década do século XXI como uma crítica resistente ao capitalismo. A peça gira em torno de seis moradores de rua que sobrevivem em uma grande cidade pedindo dinheiro. Proprietários de vários chapéus, Mandrião e Teco (representados por Jairo Mattos e Fernando Trauer) convertem-se em poderosos chefões ao alugar a preços abusivos os utensílios usados para recolher os tostões. O intermediário é Pilico (papel de Helio Cicero), que contrata os pedintes e usa de assédio moral para que eles se sintam dependentes do emprego. Assim, Manduca, Popô e Totoca (os atores Rogério Brito, Douglas Simon e Fernanda Viacava) penam em seu cotidiano, tirando um lucro que mal paga a comida. O roubo de um chapéu instaura uma inquisição e exige uma tomada de posição dos envolvidos. Também diretor, Cicero reforça o diálogo social, com alusões políticas e a uma classe artística sujeita a cachês minguados. Fica sugerida uma leitura capaz de mostrar o elenco como uma trupe que apresenta o texto de Plínio nas ruas em uma opção de metalinguagem que, se assumida, valorizaria o resultado e a ambientação circense. A direção musical de Dagoberto Feliz reuniu um coro de seis cantores e instrumentistas em torno de temas como Silêncio no Bixiga, de Geraldo Filme, Wave, de Tom Jobim, e Quero que Vá Tudo para o Inferno, de Roberto e Erasmo. As intervenções musicais, no entanto, não aliviam a duração e o peso de algumas cenas que soam arrastadas. Ponto forte do elenco, o ator Jairo Mattos sobressai ao injetar um cinisco revelador em seu personagem e estabelece uma irônica parceria com Fernando Trauer. Preste atenção nas delicadas intervenções da atriz Luiza Curvo, responsável ainda pelos figurinos, que imprime poesia e revela belas imagens dentro de uma atmosfera densa (100min). 14 anos. Estreou em 9/11/2018. Até 16/12/2018. 

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês