Gravidade

VejaSP
starsstarsstarsstarsstars

Resenha por Miguel Barbieri Jr.

O novo longa-metragem do mexicano Alfonso Cuarón recebeu, merecidamente, o maior número de indicações ao Oscar, empatado com Trapaça: dez, incluindo melhor filme, direção e atriz (Sandra Bullock). Consegue-se aqui algo muito difícil: um filme em que os atores flutuam na maior parte de seus enxutos noventa minutos, numa trama de poucos diálogos e nada arrastada. Nela, dois astronautas fazem um conserto no espaço. Junto do experiente Kowalski (George Clooney), a novata Ryan Stone (Sandra Bullock) sente enjoos no ar. Um aviso da Nasa os alerta sobre os perigos dos destroços de um satélite que vêm em direção a eles. Sem chance de encontrar abrigo, a dupla perde contato com a Terra. Embora a história da angustiante aventura dramática pudesse ser contada de várias maneiras, sua grande virtude está em dar ao espectador a experiência de vivenciar o temor dos personagens diante da tela. Num mix hipnótico, a narrativa vai da contemplação — com um belíssimo plano-­sequência na abertura — à ação enérgica. Direção: Alfonso Cuarón (Gravity, EUA/Inglaterra, 2013, 90min). Estreou em 11/10/2013.

    info
  • Direção: Alfonso Cuarón
  • Duração: 90 minutos
  • Recomendação: 12 anos
  • País: EUA/Inglaterra
  • Ano: 2013
Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s