Clique e assine por apenas 6,90/mês

Dos Prazeres

Tipos de Gêneros dramáticos: Monólogo dramático
VejaSP:

Resenha por Dirceu Alves Jr.

A atriz Maristela Chelala desenvolveu uma profícua parceria com Denise Fraga não só na hora de dividir o palco, mas também como colaboradora na dramaturgia dos espetáculos Galileu Galilei e A Visita da Velha Senhora. É sua ainda a direção de Pontos de Vista de um Palhaço, o marcante solo do ator Daniel Warren. Com o monólogo Dos Prazeres, Maristela finalmente assume o centro do palco, ancorada na dramaturgia de Ivan Marsiglia, que funde o conto Maria dos Prazeres, de Gabriel García Márquez, com elementos de sua intimidade. Em cena, a atriz é uma prostituta brasileira de 76 anos, radicada em Barcelona, que sonha com a própria morte e dá início aos preparativos do seu funeral. Em paralelo, Maristela expõe suas tragédias de infância, como as mortes quase simultâneas da mãe e do pai, e a criação pela avó, de idade bastante avançada. Ao explorar sua biografia, a artista dá um salto e conquista a cumplicidade do espectador. Muito bem conduzida nesse momento pelo diretor Ivan Andrade, a atriz dosa emotividade e distanciamento crítico como se ali representasse uma terceira personagem que toma emprestada a narrativa pessoal. Diante da construção bem-sucedida do fragmento biográfico, a trama relativa à velha Maria acaba sendo menos envolvente e até interessante, principalmente depois que um excesso de referências políticas se sobrepõe aos também ricos conflitos da personagem fictícia (55min). 14 anos. Estreou em 17/1/2020. Até 22/2/2020. 

    info
  • Direção: Ivan Andrade
  • Duração: 55 minutos
  • Recomendação: 14 anos
Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.