Comportamento

Aluguel de filmes à moda antiga

Mesmo com a crescente locação on-line e à domicílio, São Paulo ainda tem cerca de 1.000 casas especializadas

Por: Bruno Machado - Atualizado em

Pilha de DVDs
Aluguel de DVDs: segundo sindicato da categoria, São Paulo conta hoje com 1.000 locadoras de vídeo (Foto: Lia Lubambo)
Quem navega pela internet já se deparou com inúmeras ofertas de aluguel de filmes sem sair de casa ou por streaming, modo em que é possível assistir ao título desejado on-line. A mais recente investida no gênero veio da Apple, com seu aluguel virtual para iPads e outros devices da marca. Nos Estados Unidos, por exemplo, o Netflix, maior serviço de assinatura de filmes e séries do mundo, é considerado o principal responsável pelas dificuldades financeiras da rede Blockbuster. + Veja os indicados ao Globo de Ouro 2012 Se a grande desvantagem do aluguel virtual é a ainda pouca oferta de títulos, a comodidade de locar um DVD com entrega e retirada a domicílio é um prato cheio para quem se enrola na hora de devolver o filme à locadora e sofre com as multas por atraso. Ainda que a espera por algumas produções seja maior (não existe prazo para devolução nessa modalidade), a fórmula atrai cada vez mais adeptos e o resultado é uma forte queda no número de locadoras físicas na cidade, para desespero de quem ainda prefere o aluguel à moda antiga. É o caso do ator Daniel Boaventura que, sempre que possível, faz uma visita à unidade Jardins da rede 2001 Vídeo. "Quando não estou em ensaio, alugo vários filmes de uma vez. Gosto de tudo, de Kubrick e Scorsese até filmes de ação de Stallone e Schwarzenegger", conta. De acordo com o Sindemnvideo (Sindicato das Empresas Videolocadoras do Estado de São Paulo), existem hoje na cidade cerca de 1.000 locadoras de vídeo. A título de comparação, entre 2004 e 2007 São Paulo contava com 6.000 casas especializadas. “Esses negócios começaram a entrar em crise com o advento do DVD, que, embora tenha inicialmente estimulado a busca pelo aluguel de filmes e shows, também favoreceu a pirataria, que não era tão intensa na época do VHS”, explica o presidente do sindicato Luciano Damiani. Para Paulo Sérgio Pereira, dono da VideoConnection, localizada no Copan, no centro da cidade, a popularização do serviço de aluguel on-line deverá acabar com as locadoras sobreviventes na cidade. Ele, que tem mais de 24.000 títulos no acervo, entre VHS, DVD e blu-ray, aposta num acervo de títulos raros, de arte e europeus para atrair a clientela interessada em cinema autoral, de pouco apelo comercial. Soccio Russo, proprietário há 25 anos da Amadeus Vídeo, na Mooca, é outro que luta para manter as portas abertas. “O meu negócio está quase morrendo”, lamenta. Com 3.000 títulos no acervo, ele passou a perceber uma queda no movimento em 2002. E responsabiliza a pirataria e a internet pelas dificuldades pelas quais tem passado. Para Damiani, no entanto, o momento é de otimismo. Para ele, serviços como o Netflix não são ameaças, mas sim um estímulo: “Concorrência legal não afeta o mercado. Essas novas empresas trazem para o país o capital de que precisamos. Por meio delas, é possível lembrar o consumidor de que é possível alugar filmes”, afirma. Para quem não resiste a escolher seu filme na prateleira e, por que não, pedir a ajuda de atendentes, reunimos dez endereços espalhados pela cidade onde ainda é possível alugar filmes presencialmente. Nosso critério se baseou em número de títulos disponíveis, mas aceitamos outras sugestões. ZONA SUL2001 Vídeo - PaulistaAv. Paulista, 726, Bela Vista Telefone: (11) 3251-1044 Títulos no acervo: 14 mil Preço da locação: de R$ 7,00 a R$ 10,50 (DVD e blu ray); R$ 18,00 (temporadas completas de séries) A rede tem mais 6 lojas na cidadeWolf Vídeo R. Paula Ney, 338, Aclimação telefone: 3791-0774 Títulos no acervo: 10 mil Preço da locação: R$ 7,00 (catálogo e lançamento)DVD Center Av. Fagundes Filho, 411, Saúde telefone: 5581-0486 Títulos no acervo: não informado Preço da locação: R$ 6,00 (DVD) e R$ 8,50 (blu-ray)ZONA NORTE Video Norte Av. Santa Marina, 2444, Freguesia do Ó telefone: 3931-5911 Títulos no acervo: 2 mil Preço da locação: de $8,00 a R$9,00Roger Vídeo Av. Gal. Ataliba Leonel, 3549, Tucuruvi telefone: 2989-5775 Títulos no acervo: 4 mil Preço da locação: R$6,75 (lançamento); R$4,50 (catálogo) ZONA OESTEClassic Vídeo Rua Schilling, 475, Vila Leopoldina Tel: 3644-3468 Títulos no acervo: R$ 6,00 a R$ 8,90 (DVD); R$ 10,00 (blu-ray) Top Cine R. Plínio de Moraes, 440, Perdizes telefone: 3675-2932/3672-1145 Títulos no acervo: 40 mil Preço da locação: R$ 5,00 a 7,00 (DVD); R$ 7,00 a 9,50 (blu-ray)ZONA LESTEAmadeus Vídeo R. Dona Ana Neri, 347 - Moóca telefone: 3208-3240 Títulos no acervo: 2.400 Preço da locação: R$ 5,00 (DVD); R$ 8,00 (blu-ray) Caverna Video R. Serra de Bragança, 426, Tatuapé telefone: 2941-8246 Títulos no acervo: não informado Preço da locação: R$ 5,50 (DVD); R$ 7,00 CENTROVídeo Drum R. Conselheiro Furtado, 1204, Liberdade telefone: 3209-6056 Títulos no acervo:  4 mil Preço da locação: R$ 3,80 a R$ 5,00 (DVD); R$ 8,00 (blu-ray)Vídeo Connection Av. Ipiranga, 200, loja 30, Centro telefone: 3258-6429 Títulos no acervo: 24 mil Preço da locação: R$ 6,50 (DVD); R$ 7,50 (blu-ray)

Fonte: VEJA SÃO PAULO