Teatro

Peças do Festival de São José do Rio Preto ganham sessões na cidade

Him, do grupo italiano Fanny & Alexander, e Discurso de um Homem Decente, dos colombianos do Mapa Teatro, estão entre as montagens

Por: Redação VEJA SÃO PAULO

Him - Teatro
Marco Cavalcoli interpreta Hitler: imitação de 'O Mágico de Oz' (Foto: Divulgação)

O Festival Internacional de São José de Rio Preto, ou simplesmente FIT, comemora em 2013 mais de quatro décadas de existência, sendo que desde 2000 se abriu à participação de grupos estrangeiros. Três deles, aliás, se apresentam em Sescs da capital nesta semana.

+ Mais sobre teatro

Confira abaixo quais são eles.

Discurso de um Homem Decente - Teatro
Cena do espetáculo 'Discurso de um Homem Decente': últimas palavras de Pablo Escobar (Foto: Divulgação/FIT)

Discurso de um Homem Decente, no Sesc Vila Mariana

A montagem dos colombianos do Mapa Teatro  tem por ponto de partida um bilhete encontrado junto com o corpo de Pablo Escobar, morto em 1993. O conteúdo do pedaço de papel foi mantido em segredo pela CIA até 2011. No espetáculo, uma apresentadora de televisão e uma médium tentam decifrar o escrito. A banda Marco Fidel Suárez também participa da peça com números musicais. Vale lembrar que Festa no Covil, em cartaz no Sesc Consolação também aborda o universo do traficante de drogas.

Galvarino - Teatro
O drama chileno 'Galvarino': baseado numa história real (Foto: Divulgação/FIT)

Galvarino, no Sesc Pompeia

A triste história apresentada pelos chilenos do Kimen Teatro é baseada numa história real. Em 1993, o chileno que dá nome ao espetáculo foi morto na Rússia por neonazistas. No espetáculo, a ação se inicia minutos antes do anúncio da morte de Galvarino.

Him, no Sesc Santana

Batizada com o nome de um dos mais populares longa-metragens de Ingmar Bergman, a companhia italiana Fanny & Alexander traz para São Paulo uma das montagens mais curiosas do Festival de São José do Rio Preto. Him apresenta o ator Marco Cavalcoli diante de uma tela onde é projetado O Mágico de Oz (1939). Caracterizado como Adolph Hitler, ele imita a voz e os gestos de Dorothy (Judy Garlando), o Leão Covarde (Bert Lahr), o Homem de Lata (Jack Haley) e outros personagens do clássico de Victor Fleming.

Fonte: VEJA SÃO PAULO