publicidade

Pets

Hotéis e pousadas que aceitam cachorros e gatos

O número de estabelecimentos que recebem bichos de estimação cresceu 70% nos últimos dez anos. Conheça alguns endereços e saiba quais são as regras de boa convivência para o hóspede de quatro patas

14.nov.2013 | Atualizada em 18.nov.2013 por Carolina Romanini

Não existe mais dor de cabeça na hora de escolher o parente ou o pet-hotel para cuidar do seu companheiro no fim do ano. De acordo com Bruno Omori, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis em São Paulo (ABIH-SP), o número de pousadas e hotéis que aceitam bichinhos de estimação cresceu 70% nos últimos dez anos. “O serviço virou um diferencial para a maioria dos hotéis de lazer”, diz Omori.

+ Leia mais sobre o mundo do pets no Blog Bichos

Em geral, esses estabelecimentos aceitam os animais de estimação acomodados nos quartos com os donos e cobram uma taxa para a hospedagem do bichinho. Já as regras de boa convivência variam de acordo com o endereço: alguns aceitam que cachorros circulem livremente pelas áreas comuns, outros restringem os hóspedes de quatro patas ao quarto e varanda, contando com a compreensão do responsável.

“Não há uma regra universal para a presença dos pets em hotéis, cada um cria a sua e conta com o bom senso dos hóspedes”, alerta Omori. "Possíveis desavenças se resolvem com uma boa conversa, mas eu recomendo às pessoas que têm fobia desse tipo de situação que procurem nem se hospedar nesses estabelecimentos."

Entre os hotéis de lazer, a lista dos que aceitam animais é grande. Confira algumas opções abaixo e leia também dicas importantes para programar a viagem ao lado do seu melhor amigo.

                Brotas: o Eco Resort oferece, além de hospedagem pet-friendly, opções de esportes radicais com os pets
Brotas: o Eco Resort oferece, além de hospedagem pet-friendly, opções de esportes radicais com os pets
(Foto:

Divulgação

)

  • Hotéis e pousadas no interior

- Brotas Eco Resort (Brotas)

Valor da diária na alta temporada (dezembro e janeiro): a partir 667 reais para o casal com pensão completa (exceto bebidas)

Diária do pet: 35 reais

Regras: o pet não pode circular nas áreas da piscina, ginásio e restaurante. Nos demais espaços comuns (bosque, playground etc.), ele deve estar sempre na guia. O hotel recomenda que os donos não deixem o bichinho muito tempo sozinho no quarto, para não latir, chorar e incomodar outros hóspedes. Há ainda a opção deixá-lo num canil coletivo. Aceita apenas cachorros de pequeno porte.

- Home Green Home (Campos do Jordão)

Rua Adolfo Torresin, 800, Campos do Jordão. Tel.: (12) 3669-0300

Valor da diária na alta temporada (dezembro e janeiro): a partir de 560 reais para o casal com café da manhã e jantar

Diária do pet: cortesia

Regras: o hóspede deve levar caminha, potes de comida e água e fraldinha para as necessidades. Nas áreas sociais deve estar sempre no colo. A entrada de pets é proibida no restaurante e no bar. Aceita apenas cachorros de pequeno porte.

- Hotel Fazenda Campo dos Sonhos (Socorro)

Estrada dos Sonhos, km 6, Bairro das Lavras, Sacorro. Tel.: (19) 3895-3161

Valor da diária na alta temporada (dezembro e janeiro): a partir de 480 a diária para o casal com pensão completa (exceto bebidas)

Diária do pet: cortesia

Regras: o hotel dispõe de seis quartos com canis um acoplados. Trata-se de um espaço em vidro, com uma portinha para o cachorro entrar e sair do quarto sem ter que passar pela área do hóspede. O espaço foi originalmente criado para abrigar cães-guias, já que o hotel é famoso por sua acessibilidade, mas agora recebe também os visitantes que não abrem mão do companheiro na hora de viajar. Os cães-guias têm acesso liberado em todo o hotel, o restante dos pets não pode entrar nas áreas do restaurante e piscina. Animais de pequeno porte podem se hospedar ainda na suíte com os donos, caso os chalés adaptados não estejam disponíveis.

                  A pousada Ronco do Bugio, em Piedade: mimos como toalha de banho e ossinhos para os cachorros
A pousada Ronco do Bugio, em Piedade: mimos como toalha de banho e ossinhos para os cachorros
(Foto:

Divulgação

)

- Ronco do Bugio (Piedade)

Estrada Municipal Piedade – Godinho, 128, Piedade. Tel.: (15) 3299-8600

Valor da diária na alta temporada (dezembro e janeiro): a partir 625 reais para o casal com café da manhã

Diária do pet: 40 reais (taxa única para o período)

Regras: a pousada fornece um pote com tampa para a ração (como está próxima de mata fechada, o cuidado é essencial para não atrair outros bichinhos). Também tem toalha de banho (no caso de querer leva-lo às cachoeiras da região), e mimos como cobertor e biscoitinho. No restaurante, há uma área reservada para hóspedes com pets, que devem estar sempre na guia.

- Surya-Pan (Campos do Jordão)

Avenida Alto da Boa Vista, 1055, Campos do Jordão. Tel.: (12) 3664-3556

Valor da diária na alta temporada (dezembro e janeiro): a partir de 298 reais para o casal com café da manhã

Diária do pet: cortesia

Regras: o hóspede deve levar caminha, potes de comida e água e fraldinha para as necessidades. A entrada do bichinho é proibida no salão do café da manhã. Nas demais áreas comuns, o cachorro pode acompanhar o dono, mas deve estar sempre na guia.

 

  • Hotéis e pousadas no litoral

- Juqueí Frente ao Mar (Juqueí, São Sebastião)

Avenida Mãe Bernarda, 2726, Juqueí, São Sebastião. Tel.: (12) 3863-1571

Valor da diária na alta temporada (janeiro): a partir de 3 430 reais o pacote de uma semana para o casal com café da manhã e serviço de praia

Diária do pet: cortesia

Regras: aceita pets acomodados no quarto com os hóspedes, mas não permite que eles circulem pelo o hotel. O pet deve ficar no quarto e, no momento de sair para uma voltinha na rua, deve estar no colo e/ou na coleira.

                  A pousada Azul Maria, na Baleia: cachorros permitidos até na área da piscina
A pousada Azul Maria, na Baleia: cachorros permitidos até na área da piscina
(Foto:

Leo Feltran

)

- Pousada Azul Maria (Baleia, São Sebastião)

Avenida Deble Luiza Derani, 2156, Praia da Baleia, São Sebastião. Tel.: (12) 3863-6869

Valor da diária na alta temporada (dezembro e janeiro): a partir de 1 000 reais o pacote de dois dias para o casal

Diária do pet: cortesia

Regras: aceita apenas cachorros de pequeno porte e que estejam acostumados a ficar sozinho, sem latir ou chorar. A entrada do bichinho é proibida no salão do café da manhã, mas ele pode circular na piscina e demais áreas comuns do hotel, sempre na guia.

- Pousada Canto do Camburi (Camburi, São Sebastião)

Rua Uberlândia, 455, Camburi, São Sebastião. Tel.: (12) 3865-1723

Valor da diária na alta temporada (dezembro e janeiro): a partir de 1 750 reais o pacote de cinco dias para o casal com café da manhã

Diária do pet: 10% do valor do pacote

Regras: na alta temporada (entre 20/12 a 26/01) não são permitidos cachorros na pousada, devido à alta rotatividade de hóspedes. No restante do ano, o pet pode ficar no quarto com o dono. O hóspede deve levar caminha, potes de comida e água e fraldinha para as necessidades. A entrada do bichinho é proibida no salão do café da manhã e na piscina. Nas demais áreas comuns, o cachorro pode acompanhar o dono, mas deve estar sempre na guia.

- Pousada Canto Verde (Boiçucanga, São Sebastião)

Rua Manoel Nunes Passos, 200, Boiçucanga, São Sebastião. Tel.: (12) 3865-3335

Valor da diária na alta temporada (dezembro e janeiro): a partir de 1 500 reais o pacote de cinco de dias para o casal com café da manhã

Diária do pet: 25 reais

Regras: o hóspede deve levar caminha, potes de comida e água e fraldinha para as necessidades. A entrada do bichinho é proibida no salão do café da manhã e na piscina. Nas demais áreas comuns, o cachorro pode acompanhar o dono até sem coleira, caso seja dócil e nenhum outro hóspede se incomode. Aceita apenas cachorros de pequeno porte.

- Pousada Pura Vida (Maresias, São Sebastião)

Rua Sebastião Romão César, 184, Maresias, São Sebastião. Tel.: (12) 3865-6402

Valor da diária na alta temporada (dezembro e janeiro): a partir de 1 360 reais o pacote de quatro dias para o casal com café da manhã

Diária do pet: 25 reais (taxa única para o período)

Regras: o dono deve levar caminha, potes de comida e água e fraldinha para as necessidades. A entrada de pets não é permitida no restaurante, mas o dono pode optar por tomar o café da manhã na área da piscina, ao lado do cão. Nas demais áreas comuns, ele deve estar sempre na guia.

- Pousada Vila das Pedras (Ilhabela)

Rua Antenor Custódio da Silva, 46, Cocaia, Ilhabela. Tel.: (12) 3896-2433

Valor da diária na alta temporada (dezembro e janeiro): a partir de 420 reais o pacote de dois dias para o casal com café da manhã

Diária do pet: 10% do valor do pacote

Regras: o hóspede deve levar caminha, potes de comida e água e fraldinha para as necessidades. A entrada do bichinho é proibida no salão do café da manhã e na piscina. Nas demais áreas comuns, o cachorro pode acompanhar o dono, mas sempre na guia. Não aceita cachorros das raças pit bull, rotweiller, doberman, pastor alemão, fila e dogue alemão.

- Pousada Vivendas do Morro Verde (Toninhas, Ubatuba)

Rua Professora Dionísia Bueno Veloso, 210, Praia das Toninhas, Ubatuba. Tel.: (12) 3842-1701

Valor da diária na alta temporada (dezembro e janeiro): a partir de 840 reais o pacote de três dias para o casal com café da manhã

Diária do pet: 20 reais

Regras: não são permitidos cachorros na pousada nos períodos de ano novo e carnaval. No restante do ano, o pet pode ficar no quarto com o dono. O hóspede deve levar caminha, potes de comida e água e fraldinha para as necessidades. Também não é permitida a circulação do bichinho nas áreas comuns e ele deve ser levado sempre na coleira ou no colo na hora do passeio. Aceita apenas animais de pequeno porte e raças dóceis.

                O buldogue francês: embora seja menor e dócil, não é considerado um cachorro de pequeno porte
O buldogue francês: embora seja menor e dócil, não é considerado um cachorro de pequeno porte
(Foto:

French Buldog

)

REGRAS DA BOA VIZINHANÇA

O seu bichinho é quase um filho e já faz parte da família, mas nem todo mundo é obrigado a tratá-lo dessa maneira. Para que hotéis e pousadas recebam o seu pet, é preciso se adequar ao ambiente. Conheça algumas regras de boa convivência importantíssimas

Animais de pequeno porte: são aqueles que o dono consegue carregar no colo. Um buldogue francês, por exemplo, apesar de foforrucho e super dócil, já não é considerado pequeno.

Áreas comuns: na realidade, áreas comuns seriam todas aquelas por onde os hóspedes podem circular livremente. Mas como grande parte dos hotéis e pousadas não permite animais na piscina e refeitório, entende-se como área comum corredores, elevador, jardim, sala de jogos etc..

Atenção redobrada nos playgrounds: cachorros adoram correr na areia, mas nem sempre as crianças ficam confortáveis com a presença deles. Use o bom senso!

Animais na praia: é proibida a entrada de cachorros e gatos na maioria das praias do litoral paulista. Fique atento às normas de cada cidade.

Cuidados com os gatos: os bichanos também são bem-vindos na grande maioria dos hotéis. Eles fazem parte do grupo de “animais de pequeno porte”, mas como não andam na coleira, é importante levar uma gaiola de transporte para levá-lo do carro ao quarto ou até mesmo a um passeio.

publicidade

Mais amor por favor
X

Avaliação de VEJA SP

Não foi avaliado

Avaliação de VEJA SP

Péssimo

Avaliação de VEJA SP

Fraco

Avaliação de VEJA SP

Regular

Avaliação de VEJA SP

Bom

Avaliação de VEJA SP

Muito bom

Avaliação de VEJA SP

Excelente

Avaliação dos usuários

Ainda não foi avaliado

Avaliação dos usuários

Péssimo

Avaliação dos usuários

Fraco

Avaliação dos usuários

Regular

Avaliação dos usuários

Bom

Avaliação dos usuários

Muito bom

Avaliação dos usuários

Excelente

Avaliação do usuário

Péssimo

Avaliação do usuário

Fraco

Avaliação do usuário

Regular

Avaliação do usuário

Bom

Avaliação do usuário

Muito bom

Avaliação do usuário

Excelente

Péssimo

Fraco

Regular

Bom

Muito bom

Excelente

Comente

Envie por e-mail