De 140 monumentos na capital, só oito homenageiam mulheres

Conheça cinco delas

Apesar de a capital contar com mais de 140 monumentos, marcos, estátuas e bustos públicos em honra a personalidades de destaque, apenas oito dessas obras se referem a figuras femininas. A mais antiga delas foi inaugurada só em 1977. Conheça abaixo a trajetória de cinco homenageadas

Antonieta Rudge (1885-1974)
Ano: 1977
Endereço: Praça Portugal, Pinheiros
Começou a tocar piano aos 4 anos e tornou-se uma das maiores intérpretes brasileiras de Beethoven

Carlota Pereira de Queirós (1892-1982)
Ano: 1985
Endereço: Praça Califórnia, Jardins
Atuou na Faculdade de Medicina de São Paulo e foi a primeira mulher eleita deputada federal

Carolina Ribeiro (1892-1982)
Ano: 1982
Endereço: Praça da República, centro
Diretora da Escola Caetano de Campos, comandou a Secretaria Estadual de Educação

Cora Coralina (1889-1985)
Ano: 1989
Endereço: Praça Cora Coralina, Jardins
Uma das maiores poetisas brasileiras, autora de Os Meninos Verdes (1980), entre outras obras

Maria Esther Bueno (1939)
Ano: 1998
Endereço: Estádio do Pacaembu
Dona de dezenove títulos de Grand Slam e indicada ao título de melhor tenista do mundo em 1959

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s