Tecnologia

Juiz do Piauí exige bloqueio do Whatsapp em todo o Brasil

Ordem não explicita quais motivos teriam levado à proibição do aplicativo

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

WhatsApp
(Foto: Reprodução)

Um mandado judicial expedido pelo juiz Luiz Moura Correia, do Piauí, exige que uma operadora de telefonia retire do ar o aplicativo de mensagens Whatsapp em todo o território nacional. A ordem não especifica qual empresa deve realizar o bloqueio do serviço.

+ As últimas notícias da cidade

O motivo para a proibição também não foi explicitado. Segundo a revista Info, a ordem seria resultado de uma investigação da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente sobre crimes envolvendo pornografia infantil e divulgação de fotos de adolescentes na rede de dados do aplicativo.

No site da Polícia Civil do estado, uma notícia publicada nesta quarta (25) anunciou o indiciamento de um jovem acusado de promover pornografia infantil pelo aplicativo no município de Jacobina. O investigado teria usado a rede para publicar fotos pornográficas suas e de uma adolescente menor.

O texto da ordem judicial diz: "Suspenda temporariamente até o cumprimento da ordem judicial, em todo território nacional, em caráter de urgência no prazo de 24 horas após o recebimento, o acesso através dos serviços da empresa aos domínios whatsapp.net e whatsapp.com, bem como todos os seus subdomínios e todos os outros domínios que contenham whatsapp.net e whatsapp.com em seus nomes e ainda todos números de IP (Internet Protocol) vinculados aos domínios já acima citados".

Segundo a Info, a Secretaria de Segurança do estado atestou a veracidade da foto, mas ainda não se posicionou sobre o motivo da proibição.

Fonte: VEJA SÃO PAULO