Esporte

Dicas para começar a correr

Sempre é tempo de dar os primeiros trotes pelas ruas ou acelerar se você já pratica o esporte

Por: Bruna Gomes - Atualizado em

Corrida de rua
(Foto: Thinkstock)

Para quem ainda não venceu a preguiça de sair do sofá, selecionamos uma série de dicas para calçar os tênis e começar a correr. Os treinadores Renato Dutra, da Run & Fun, e Fábio Ferreira, da MPR Assessoria Esportiva, dão as instruções:

- Antes de qualquer coisa, faça exames médicos para saber se está em condições de praticar atividade física;

- Procure orientações de um professor de educação física;

- Caminhadas de baixa intensidade também podem trazer problemas se o esforço for excessivo. É preciso ter cuidado para não elevar muito a frequência cardíaca;

- Use tênis adequados e roupas leves;

- Tome cuidado com a alimentação. Praticar qualquer esporte em jejum é proibido;

- Pegue leve. No início as pessoas se animam demais e acabam se lesionando;

- Faça um programa de fortalecimento muscular em paralelo com a corrida (musculação, pilates, ioga, por exemplo);

- Tenha paciência. A parte cardiorrespiratória tem uma resposta mais rápida que a músculo-esquelética. A primeira tem uma irrigação sanguínea muito grande. Já os tendões, ligamentos, cartilagem e ossos, não. Por isso a adaptação é mais lenta. Para resumir, as pessoas têm mais fôlego do que a estrutura corporal de fato aguenta.

+ Calendário de corridas de rua em São Paulo

+ Corridas em regiões próximas à capital unem turismo e atividade física

+ Treinar ouvindo música ajuda ou atrapalha?

Fonte: VEJA SÃO PAULO