Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

90% dos postos de saúde ficaram sem 2º dose da AstraZeneca nesta terça (28)

Prefeitura deve diminuir escassez de imunizantes da Fiocruz após receber nova remessa na quarta (29)

Por Redação VEJA São Paulo 28 set 2021, 21h09

A capital paulista registrou a falta da 2º dose da vacina da AstraZeneca contra a Covid-19 em 493 postos de imunização ao final desta terça-feira (28), cerca de 90% do total da rede.

O caso ocorre com as entregas atrasadas da Fiocruz, que produz a vacina no Brasil e passa por dificuldades pela falta de Insumo Farmacêutico Ativo (IFA).

A prefeitura de São Paulo afirmou que na quarta-feira (29) vai receber 93 695 doses da AstraZeneca. Com a falta do imunizante, a cidade autorizou a aplicação da Pfizer em quem precisava tomar a segunda dose da AstraZeneca.

Todas as unidades estão orientadas a realizar intercambialidade com o imunizante da Pfizer nos períodos em que a vacina da AstraZeneca estiver momentaneamente indisponível na rede. Essa intercambialidade só deve ocorrer na falta da AstraZeneca para segunda dose”, diz a prefeitura, em nota.

  •  

    Continua após a publicidade
    Publicidade