Continua após publicidade

Parlamentares pedem investigação contra Hospital São Camilo

Rede hospitalar negou procedimento de colocação de DIU por motivos religiosos

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 25 jan 2024, 21h38 - Publicado em 25 jan 2024, 21h14

Três parlamentares solicitaram ao Ministério Público de São Paulo (MP-SP) a abertura de uma investigação contra o Hospital São Camilo. A rede hospitalar repercutiu nos últimos dias após se negar a realizar um procedimento de colocação de DIU por ser uma instituição confessional católica. 

A representação foi protocolada pela vereadora Silvia Ferraro, da Bancada Feminista do PSOL, junto à Promotoria de Justiça de Direitos Humanos da Capital, de acordo com informações da Folha. A parlamentar alegou que a diretriz do hospital é irregular, tendo em vista que presta serviços ao Sistema Único de Saúde (SUS). 

Nas redes sociais, Silvia Ferraro afirmou que “o direito a métodos contraceptivos não pode ser violado. Mesmo hospitais privados têm que cumprir as leis nacionais que regem nosso Sistema Único de Saúde, no caso, nossa Constituição, que assegura a laicidade do Estado, além das normas da Agência Nacional de Saúde”. 

O caso ocorreu na segunda-feira (23), quando a produtora de conteúdo Leonor Macedo expôs a negativa da rede hospitalar na rede social X, antigo Twitter. A comunicadora estava em consulta médica quando foi informada que o Hospital São Camilo não realiza procedimentos contraceptivos, como vasectomia e DIU, por seguir as diretrizes do Vaticano. 

Continua após a publicidade

O hospital, que possui três unidades na capital paulista, informou que recomenda aos pacientes buscar hospitais conveniados que realizam os procedimentos. 

Compartilhe essa matéria via:
Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Para curtir o melhor de São Paulo!
Receba VEJA e VEJA SP impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.