Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Aumenta o número de casos da variante delta na capital paulista

Até terça (20) eram oito pacientes confirmados com a cepa da Covid-19

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 21 jul 2021, 18h52 - Publicado em 21 jul 2021, 18h47

A prefeitura de São Paulo divulgou nesta quarta-feira (21) que o número de casos da variante delta da Covid-19 chegou a doze na cidade. Os casos foram identificados por meio de uma parceria entre a gestão Ricardo Nunes (MDB) e o Instituto Butantan.

Os quatro novos casos são de amostras da Zona Leste, Sul e na região central. Os casos que foram divulgados na terça (20), quando a cidade tinha oito casos confirmados, são da Mooca, Belenzinho, Aricanduva, na Zona Leste e Vila Guilherme, Zona Norte.

O monitoramento das variantes na capital é realizado por meio de cálculo amostral, por semana epidemiológica, com cerca de 600 amostras semanais que seguem para análise do laboratório do Instituto Butantan, onde é realizado o sequenciamento genético.

O primeiro caso confirmado da variante delta apareceu em 7 de julho, em que um homem de 45 anos, que não trabalhava presencialmente ou tinha viajado recentemente, foi identificado com a cepa, confirmando que a variante circula na capital paulista.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade