Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

ButanVac se mostra segura e com bom nível de resposta imunológica, mostram dados preliminares

Resultados foram obtidos na fase 1, com voluntários da Tailândia

Por Redação VEJA São Paulo 27 set 2021, 21h33

A ButanVac, vacina desenvolvida pelo Instituto Butantan contra Covid-19, se mostrou segura e com nível de resposta imunológica potente, segundo resultados de um artigo publicado no dia 22 de setembro, com testes feitos na Tailândia. Os dados são da fase 1 de testes, em um pré-print, versão inicial de um estudo, sem a revisão de outros cientistas.

Participaram da pesquisa cientistas da Tailândia e dos Estados Unidos. O imunizante é testado também no Brasil e no Vietnã. O estudo randomizado contou com 210 voluntários. 82 homens e 128 mulheres, com idades entre 18 e 59 anos, tomaram duas doses da vacina, em um intervalo de 28 dias.

De acordo com o artigo, menos de um terço experimentou efeitos adversos leves, como dor no local de aplicação, fadiga e dores de cabeça. Com os dados, os cientistas afirmaram que a vacina se mostrou “com segurança aceitável e alto nível de imunogenicidade”.

No Brasil os testes são feitos em Guaxupé (MG), Itamogi (MG), São Sebastião do Paraíso (MG) e em Ribeirão Preto.

  •  

    Continua após a publicidade
    Publicidade