Zena (Desde 2009)

Tipos de Restaurantes: Cantina / Trattoria
VejaSP
starsstarsstarsstarsstars
Endereço: Rua Peixoto Gomide, 1901 - Jardim Paulista - São Paulo - SP ver no mapa
Telefone: (11) 30812158(11) 30829362
Horário:
segunda-feira
12:00 - 00:00
terça-feira
12:00 - 00:00
quarta-feira
12:00 - 00:00
quinta-feira
12:00 - 01:00
sexta-feira
12:00 - 01:00
sábado
12:00 - 01:00
domingo
12:00 - 00:00
monetization_on

Faixa de preço

De R$116,00 a R$175,00

check_circle

Informações adicionais

Entrega em domicílio ((11) 30829362), Acesso para deficientes, Lugares/Capacidade total (60 lugares), Levar vinhos (permite) (R$ 50,00)

Resenha por Arnaldo Lorençato e Saulo Yassuda

Quase no fim da Rua Peixoto Gomide fica o restaurante de Carlos Bertolazzi, conhecido por sua participação nos programas de TV Fábrica de Casamentos e Eliana, no qual anima o quadro Minha Mulher que Manda, ambos no SBT. Um dos pratos assinados pelo chef que se tornou famoso é o nhoque zena (R$ 54,00), que ganhou uma versão tostada com massa de mandioca, molho bisque de camarão e rodelinhas de quiabo (R$ 79,00). Um primor. Só é preciso tomar cuidado com as focaccias como a de presunto cru, figo e queijo (R$ 39,00), que pode sair do forno um pouco antes de estar completamente assada. Regada a azeite de alecrim, a musse de chocolate dá alegria à sobremesa (R$ 27,00).

Informações checadas entre agosto e outubro de 2019.

    ITALIANO DESAFINADO E COM NOVO NOME

    Conhecido como Zena Caffè desde a fundação, onze anos atrás, o restaurante do multimidiático chef Carlos Bertolazzi perdeu o aposto no nome. É só Zena agora. Mas o cozinheiro precisa ficar mais atento ao cardápio. Minha última refeição teve altos e baixos. Os famosos nhoques da casa continuam muito saborosos. Não teve o mesmo sucesso o penne all’arrabbiata (R$ 53,00), ao molho de tomate, azeitona preta e linguiça. Embora um pouco de picância seja um elemento importante na receita original, a pimenta foi acrescentada em demasia. Em vez de dar um delicioso toque provocativo, o excesso deixa o prato difícil de ser apreciado até o final. Também não ajudou o serviço displicente numa noite de sábado. 

    (Por Saulo Yassuda)

    Informações checadas em fevereiro de 2020.

    Comer e beber

    • 2019 - Participante

      Cantina/Trattoria Comer & Beber .

      Quase no fim da Rua Peixoto Gomide fica o restaurante de Carlos Bertolazzi, conhecido por sua participação nos programas de TV Fábrica de Casamentos e Eliana, no qual anima o quadro Minha Mulher que Manda, ambos no SBT. Um dos pratos assinados pelo chef que se tornou famoso é o nhoque zena (R$ 54,00), que ganhou uma versão tostada com massa de mandioca, molho bisque de camarão e rodelinhas de quiabo (R$ 79,00). Um primor. Só é preciso tomar cuidado com as focaccias como a de presunto cru, figo e queijo (R$ 39,00), que pode sair do forno um pouco antes de estar completamente assada. Regada a azeite de alecrim, a musse de chocolate dá alegria à sobremesa (R$ 27,00). Informações checadas entre agosto e outubro de 2019.

      Arnaldo Lorençato e Saulo Yassuda

    • 2018 - Participante

      Cantinas/Trattoria Comer & Beber .

      O chef Carlos Bertolazzi, que virou astro do SBT, no qual participa dos realities Fábrica de Casamento e BBQ Brasil — Churrasco na Brasa, além do quadro Minha Mulher que Manda, no programa da Eliana, mantém esta casa, precedida por uma arejada varanda. A equipe afinada de cozinha faz massas como o linguine negro de frutos do mar (R$ 71,00) e o nhoque de abóbora tostado ao creme suave de gorgonzola e cogumelos(R$ 56,00). Antes, prove as caprichadas coxinhas de carne de porco (R$ 25,00 a porção com cinco unidades). Sacripantina (R$ 23,00), uma espécie de pavê, é o nome da melhor sobremesa.  (Informações checadas entre julho e setembro de 2018).

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    • 2017 - Indicado

      Trattoria moderna Comer & Beber .

      Chef-celebridade de realities do SBT como Fábrica de Casamentos, Carlos Bertolazzi é o mentor das receitas. A execução cabe a uma equipe afinada, já que o cozinheiro quase nunca está no restaurante. É quase impossível pular o nhoque zena (ao molho de tomate fresco, manjericão e queijo stracchino; R$ 54,00). Não falta sabor ao arroz de pato com paio (R$ 57,00), que não é um risoto mas uma receita de jeitão português. Outra pedida, o coelho assado no vinho branco com azeitona preta, pinhole e batata custa R$ 67,00. Fraco no passado, o latte fritto (bastões de leite empanados, fritos e polvilhados de canela com doce de leite; R$ 20,00) está bem bom. (Preços checados em setembro de 2017).

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    • 2016 - Indicado

      Restaurantes italianos (cantina) Comer & Beber .

      Embora o chef Carlos Bertolazzi quase nunca esteja no salão desde que virou uma estrela dos realities do SBT, a equipe formada por ele manda bem. Logo que se chega à trattoria, cuja varanda é disputada, os garçons servem um pacote de grissini de cortesia. Em seguida, sugerem receitas como o coelho com azeitona preta (R$ 65,00) na companhia de batata. Quanto às focaccias, uma delas tem a forma de hambúrguer ao forno e vem com queijo stracchino e pancetta (R$ 39,00). Espécie de bolo leve, a sacripantina (R$ 20,00), feita de chocolate, põe o ponto final. (Preços checados em setembro/outubro de 2016).

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    • 2015 - Participante

      Restaurantes italianos (cantina) Comer & Beber .

      Embora quase nunca esteja na cozinha, Carlos Bertolazzi mantém uma equipe afinada que consegue resultados bem acima da média nesta trattoria. Entende-se essa ausência. O chef, que já era celebridade nas redes sociais, explodiu em popularidade com Cozinha sob Pressão, reality culinário que chega à terceira temporada, exibido pelo SBT. Entre suas receitas, as focaccias, sanduíches assados na hora, recebem recheio de berinjela, abobrinha e tomate com queijo stracchino (R$ 34,00). Ainda melhores do que elas são as massas como o tagliatelle com um parrudo ragu de cordeiro (R$ 54,00) e o caramelle de caprino, com massa de beterraba recheada de queijo de cabra na manteiga e sálvia (R$ 52,00). Há também o leve nhoque de mandioca com ragu de costela (R$ 51,00), receita que Bertolazzi tomou emprestada de Filipe Santos, chef ganhador do Cozinha sob Pressão. Enquanto os pratos não fcam prontos, aproveite para petiscar a coxinha de costelinha de porco (R$ 23,00 a porção). Só é totalmente dispensável o leite frito (R$ 18,00) da sobremesa, com gosto de absolutamente nada. Se quer um doce, fique com a focaccia de Nutella (R$ 19,00). (Preços checados em setembro/outubro de 2015.)

      Arnaldo Lorençato e Helena Galante

    • 2012 - Participante

      Restaurantes cozinha rápida Comer & Beber .

      Parceria do restaurateur Juscelino Pereira com o chef Carlos Bertolazzi, entre outros sócios, a casa italiana de cozinha expressa ganhou uma filial no Itaim em fevereiro de 2012. Um tantinho menos frenética do que a matriz dos Jardins, essa unidade serve um cardápio idêntico. Nos dois endereços é possível provar deliciosas focaccias, entre elas a savona. Entremeada na massa fininha e crocante, esconde-se uma camada de mussarela misturada a um mix de cogumelos. Também vai bem a salada verde com fatias de salmão defumado e creme azedo. Da seleção de massas, agrada o nhoque regado a molho de tomate fresco ao aroma de manjericão e incrementado por queijo stracchino derretido. A focaccia, estrela do cardápio, aparece também na sobremesa recheada de Nutella. O Monfrà Monferrato D.O.C. San Silvestro 2009 é um dos tintos italianos.

      Veja SP

    • 2011 - Participante

      Restaurantes cozinha rápida Comer & Beber .

      Estabelecimento faz parte da edição Comer & Beber 2011/2012

      Veja SP

    • 2010 - Indicado

      Restaurantes cozinha rápida Comer & Beber .

      Juscelino Pereira, sócio também do Piselli, acerta mais uma vez neste endereço para saborear receitas italianas expressas. No salão de atmosfera informal, decorado com uma grande foto de Portofino, cidade costeira ao lado de Gênova, as sugestões variam de focaccias a sanduíches, além de algumas massas e carnes. Entre as focaccias, há uma fininha recheada de stracchino, um queijo fresco típico da Lombardia, mais berinjela, abobrinha e tomate grelhados. Outra opção caprichada é o nhoque de batata ao molho de tomate com o mesmo queijo. De sobremesa, panacota na calda de frutas vermelhas. A carta de vinhos, não muito extensa, inclui tintos como o Nero d’Avola Terre de Isola 2009.

      Veja SP

    Comentários
    Deixe um comentário

    Olá,

    * A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google

    Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    Conectando a %s