Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Você não é o seu crachá, com Fernando Rocha

O jornalista fala sobre como ser leve num mundo pesado e não se confundir com nenhum rótulo

Por Helena Galante Atualizado em 5 mar 2021, 19h42 - Publicado em 8 mar 2021, 00h10

Você já se confundiu com o seu trabalho ou com alguma outra função que exerce? O jornalista Fernando Rocha, que por trinta anos foi da Rede Globo, assume que sim. “Essa história de você não é o seu crachá é muito fácil quando você descobriu isso, mas durante o caminhar, é muito difícil, a empresa passa a ser seu sobrenome. Eu era o Fernando da Globo”, conta. Convidado de Helena Galante para o episódio #91 no podcast Jornada da Calma, ele vai além e questiona o que fazemos quando algo inesperado acontece. “Quando você perde o chão, você pode cair ou pode voar”, afirma.

Como a água, que segue sempre seu rumo, num exemplo de resiliência, Fernando olhou no retrovisor, viu tudo que havia produzido, e fez uma decisão importante: não iria atrás de um plano B, mas de um propósito, que valesse por todas as letras do alfabeto. Lançou projetos de podcast, dedicou-se ao trabalho social com os projetos Dois Pães e um Pingado e Mar Pela Primeira Vez, lançou o livro Como Ser Leve em Um Mundo Pesado. “Eu quero viver de amor e palavra, é a coisa mais linda do mundo”, conclui.

Publicidade