Continua após publicidade

Um quarto dos blocos de Carnaval de rua de SP desfilará na região da Sé

Dos 507 grupos aprovados pela prefeitura, 126 escolheram as vias do Centro

Por Clayton Freitas
Atualizado em 27 fev 2023, 15h39 - Publicado em 17 jan 2023, 18h19

Mais uma vez o desfile dos blocos de Carnaval de rua de São Paulo estará muito concentrado no Centro. Só a região da Sé, que engloba bairros como República, Santa Cecília, Cerqueira César, Liberdade, Barra Funda e Consolação, receberá 126 desfiles, um quarto dos 507 aprovados pela prefeitura.

+Leandro Karnal se declara ao marido nas redes: “Uma pessoa extraordinária”

Embora alguns foliões já possam ser vistos na rua –alguns pequenos grupos já foram vistos no último sábado (14) pelas ruas do Bixiga– a brincadeira só começa pra valer no dia 11 e 12 de fevereiro, com o pré-Carnaval. Nos dias 18, 19, 20 e 21 de fevereiro será o Carnaval, e ainda haverá uma saideira, nos dias 26 e 26 de fevereiro, na pós-festa. A prefeitura projeta que este dever ser o  maior Carnaval de rua da história, e espera a presença de 14 milhões de pessoas.

Outra região que também concentra a maior parte dos blocos é a de Pinheiros, na Zona Oeste, que inclui pontos como a Vila Madalena, escolhida por outros 72 grupos. Também na Zona Oeste, a Lapa receberá 47 blocos de rua.

+Funcionário de UPA é preso em flagrante por estupro de paciente no Grajaú

Essas duas regiões integram o chamado Centro expandido, popularmente conhecido por ser delimitado pelas “pontes” (marginais Tietê e Pinheiros, avenida dos Bandeirantes e Salim Farah Maluf, entre outras). Se for levado em consideração esse miolo da capital, que ainda conta com regiões como Mooca, Vila Mariana, Butantã, entre outras, chega-se ao cálculo de quase 60% de todos os blocos que desfilarão nas ruas da capital neste ano. (confira ranking abaixo)

A tabulação dos números desta reportagem foi feita a partir dos dados disponibilizados pela Secretaria Municipal de Cultura e publicados no Diário Oficial da Cidade no último sábado (14). Eles indicam que 82 blocos inicialmente inscritos –o número original de interessados passava de 660– desistiram. Uma nova lista deve ser publicada até o final desta semana, podendo alterar os números finais para mais ou para menos. Confira a lista prévia com os nomes,  datas e horários dos blocos já aprovados abaixo.

Página: /
.
Continua após a publicidade

+Deputados estaduais terão aumento salarial de 37,3% até 2025

A cidade de São Paulo tem um total de 32 administrações regionais. A descentralização da folia era uma das maiores preocupações da Prefeitura de São Paulo, porém, ela se mostrou tímida nesta edição, embora pontos distantes da periferia, tais como Sapopemba e São Miguel Paulista, na Zona Leste; Brasilândia, na Zona Norte; e Campo Limpo, na Zona Sul, estão no roteiro dos grupos.

“São Paulo é a Capital da Folia. Hoje, fazemos o maior Carnaval de Rua do Brasil, ocupando toda a cidade, do centro à periferia, de Pinheiros à Sapopemba. A Secretaria Municipal de Cultura vem trabalhando com empenho na realização da festa, e estamos muito animados para ver o povo de novo na rua, com diversos ritmos e expressões culturais de todo o Brasil”, afirmou à Vejinha a secretária municipal de Cultura, Aline Torres.

Bronca no Diário Oficial

Pontos que anteriormente recebiam muitos blocos, tais como o Largo da Batata, em Pinheiros, na Zona Oeste, e avenida Luis Carlos Berrini, na região de Cidade Monções, na Zona Sul, não receberão blocos neste ano.

O veto levou um bloco a reclamar “oficialmente” no Diário Oficial da Cidade, segundo a publicação que pode ser conferida na página 68 do dia 14 de janeiro, último sábado.

Continua após a publicidade
Publicação do Diário Oficial
Publicação do Diário Oficial (Diário Oficial da Cidade/Reprodução)

No trecho que cita o bloco Gambiarra, além de mencionar a data e horário, a publicação traz uma espécie de desabafo do grupo. “Tradicionalmente nosso percurso foi feito entre a Avenida Faria Lima (altura do Pirajá) e Largo da Batata. Acreditamos muito neste trajeto, porém em 2020, algumas semanas antes do Carnaval, remanejaram nosso desfile tradicional para a [avenida Henrique Schaumann]. Sentimos um grande impacto negativo neste trajeto. Quando iniciarmos os diálogos para trajeto gostaríamos de reiterar nossa insatisfação e buscamos um trajeto mais eficiente”.

O bloco não foi localizado para comentar o assunto. A Secretaria Municipal de Cultura afirmou se tratar de um erro na publicação do Diário Oficial e que será corrigido na próxima lista.

Lista de quem receberá mais blocos

  • Sé – 126
  • Pinheiros – 72
  • Lapa – 47
  • Vila Mariana – 32
  • Santana/Tucuruvi – 22
  • Butantã – 19
  • Freguesia do Ó/Brasilândia – 18
  • Santo Amaro – 17
  • Mooca – 16
  • M´Boi Mirim – 15
  • Casa Verde – 14
  • Ipiranga – 14
  • Penha – 14
  • Capela do Socorro – 8
  • Jaçanã/Tremembé – 7
  • Itaquera – 7
  • Pirituba/Jaraguá – 7
  • São Miguel Paulista – 7
  • Itaim Paulista – 5
  • Campo Limpo – 5
  • Cidade Tiradentes – 4
  • Vila Maria/Vila Guilherme – 4
  • Brasilândia – 4
  • Cidade Ademar – 3
  • Carrão – 3
  • Aricanduva/Formosa – 3
  • São Mateus – 3
  • Vila Prudente – 2
  • Parelheiros – 2
  • Perus – 2
  • Ermelino Matarazzo – 2
  • Guaianases – 1
  • Sapopemba – 1

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.