Continua após publicidade

São Paulo Cia de Dança e Orquestra do Theatro São Pedro estreiam obras

Temporada é inspirada em obras de modernistas brasileiros

Por Agência Brasil
Atualizado em 22 Maio 2024, 16h24 - Publicado em 26 Maio 2022, 09h27

A São Paulo Companhia de Dança (SPCD) e a Orquestra do Theatro São Pedro iniciam hoje (26), na capital paulista, uma temporada inspirada em obras dos modernistas brasileiros: Desassossegos, de Henrique Rodovalho; e Di, assinada por Miriam Druwe. As apresentações ocorrem até o dia 5 de junho.

Em Di, Druwe mergulha nas cores, texturas, sensações e imagens que povoam o universo do pintor Di Cavalcanti, ao som dos Choros nº 6, de Heitor Villa-Lobos, acentuando os traços modernistas em cena. Telas do artista, como Cinco Moças de Guaratinguetá, Favela, São João e Mulheres Protestando foram cedidas para as apresentações por sua filha, Elisabeth Di Cavalcanti.

+ Imagem mostra como ficou Fusca de Jesse Koz, que morreu em acidente

“Fui buscando referências que encontrassem ressonância em mim e no elenco. O Di Cavalcanti tem essa alegria das festas dos subúrbios, uma sensualidade, mas também tem um pouco de melancolia. Então comecei a fazer perguntas: Como era a cabeça dele ao criar? Como essa dinâmica vem para o corpo?” destacou a coreógrafa Druwe.

Continua após a publicidade

O programa se completa com Madrugada, coreografada por Antonio Gomes a partir das Valsas de Esquina de Francisco Mignone, arranjadas especialmente para orquestra por Rubens Ricciardi.

Na semana seguinte, de 2 a 5 de junho, o Theatro São Pedro sedia a estreia de Desassossegos, assinada por Henrique Rodovalho, que desde 2020 é coreógrafo residente da SPCD.

“O modernismo surge em uma época de questionamentos e experimentos, e Desassossegos é muito isso. Estou aceitando minhas dúvidas e querendo arriscar e experimentar, trazendo essas questões para os fluxos de movimento e as dinâmicas”, ressalta.

Continua após a publicidade

No programa, está ainda Infinitos Traçados, obra com oito bailarinos em cena, com coreografias de Esdras Hernández Villar, Jonathan dos Santos e Monica Proença.

Os ingressos custam R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia) e estão à venda no site theatrosaopedro.byinti.com .

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.