Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Obra do dramaturgo Matéi Visniec ganha coletânea on-line sobre solidão

A coletânea "O Teatro Decomposto ou O Homem Lixo" do escritor romeno dá vida a dois espetáculos

Por Saulo Yassuda Atualizado em 23 abr 2021, 01h33 - Publicado em 23 abr 2021, 06h00

A obra do dramaturgo e escritor romeno Matéi Visniec continua a ganhar montagens paulistanas, agora digitalmente. Uma delas é O Homem do Besouro, que será exibida entre quarta (28) e sexta (30), em duas sessões diárias, às 19h e às 20h30. O espetáculo do Grupo Lunar de Teatro, dirigido por Suzana Muniz, é extraído da coletânea O Teatro Decomposto ou O Homem Lixo. Um solitário enclausurado no apartamento (oito atores e atrizes compartilham o papel) recebe a visita de um besouro e acaba construindo um vínculo com o inseto.

Homem de perfil com as mãos em frente ao peito. Foto escura e preta e branca
Guiherme Conrado, em “O Homem do Besouro”: inspiração em Visniec Edu Pinheiro/Divulgação

Outra peça que lança mão do mesmo livro é Condomínio Visniec, imersa numa atmosfera de sonho e inspirada nos monólogos O Corredor, O Homem do Cavalo, O Adestrador, O Homem da Maçã, A Louca Tranquila e O Comedor de Carne. Dos devaneios de uma escritora (interpretada por Suzana Muniz), são apresentados personagens solitários que perdem, de certo modo, sua humanidade.

A peça, que já foi montada na cidade em 2019 e 2020, tem direção de Clara Carvalho e fica em cartaz até domingo (25). Com Ana Clara Fischer, Felipe Souza, Mônica Rossetto, Rafael Levecki e Rogério Pércore. O Homem do Besouro. YouTube (Grupo Lunar de Teatro). Qua. (28) a sex. (30), 19h e 20h30. 30 min. Grátis. Condomínio Visniec. Plataforma Teatro (plataformateatro.com). Sex. (23) e sáb. (24), 20h. Dom. (25), 18h. 55 min. Grátis.

+Assine a Vejinha a partir de 8,90.

Publicado em VEJA São Paulo de 28 de abril de 2021, edição nº 2735

 

  •  

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade