Clique e assine por apenas 6,90/mês

Morre o escritor Sérgio Sant’Anna, vítima da covid-19

Vencedor de três prêmios Jabuti, um dos principais nomes da literatura brasileira faleceu hoje no Rio de Janeiro aos 78 anos

Por Redação VEJA São Paulo - 10 Maio 2020, 10h54

Faleceu hoje (10) o escritor Sérgio Sant’Anna, um dos principais nomes da literatura brasileira, vítima da covid-19. A informação foi confirmada por sua irmã Sonia Sant’Anna através do Facebook. Confira:

Reprodução/Reprodução

Sérgio estava internado no hospital Quinta D’Or, no Rio de Janeiro, desde o dia 3 de maio. Apesar da melhora no quadro também divulgada por sua irmã ontem também pelo Facebook, o contista não resistiu. 

Vencedor de três prêmios Jabuti, três vezes o APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) e uma vez o prêmio da Biblioteca Nacional, o autor teve suas obras traduzidas para o alemão, francês, italiano e tcheco. Outros escritores como Xico Sá lamentaram a perda nas redes sociais.

Nascido no Rio de Janeiro, Sérgio Sant’Anna completou 50 anos de carreira em outubro de 2019. Estreou na literatura em 1969 com o livro de contos “O Sobrevivente“, obra que levaria o autor a a participar do International Writing Program da Universidade de Iowa, nos Estados Unidos.

Continua após a publicidade
Publicidade