Clique e assine com até 89% de desconto

Escola francesa pede para que pais não arremessem os filhos pelo portão

O colégio Trillade fixou cartazes na porta da instituição para alertar pais atrasados

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 18 nov 2020, 15h51 - Publicado em 18 nov 2020, 15h45

A escola francesa Trillade viralizou nas redes sociais nos últimos dias após fazer um pedido inusitado aos pais: não arremessar os filhos pelo portão. A instituição fica na cidade de Avignon, região de Provença na França.

“Pais chegam depois do sinal e literalmente jogam os filhos”, afirmou Meziane ao jornal francês La Provence. Ela afirma que isso não acontece com frequência, mas que pais já fizeram isso e a escola optou por fazer o alerta.

O aviso lembra os responsáveis de que a entrada nas dependências do colégio vai das 10h às 15h e que, caso haja atraso, não há motivo para pânico. Os cartazes com o alerta foram colocados nos portões em setembro.

Escola francesa
Escola francesa: aviso para que pais não arremessem os filhos portões adentro Reprodução/Veja SP

 

Continua após a publicidade
Publicidade