Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Loja abre espaços com decoração Faria Limer e Santa Cecilier

Ambientes, inspirados em reportagens de capa da Vejinha, contam com elementos como frases motivacionais e samambaias

Por Guilherme Queiroz 2 nov 2020, 11h20

A Vejinha figurou entre os assuntos mais comentados das redes sociais em dezembro de 2019 e fevereiro deste ano, quando publicou duas reportagens de capa sobre bairros paulistanos e o modo de viver de seus moradores, os Faria Limers e os Santa Ceciliers.

Os cenários descritos nas matérias inspiraram dois ambientes instagramáveis de uma loja de decoração, a Mobly. Os espaços ficam na Marginal Pinheiros. O ambiente com decoração Santa Cecilier conta com 9 metros quadrados. “Tem poster da Frida [Khalo], imagem do filme Bacurau, rede, violão, samambaia e um gato de pelúcia”, explica Nicole Santini, Merchandising Manager da Mobly.

Já o ambiente Faria Limer tem outras caracteríticas. Headphones, livro do Steve Jobs e frases de efeito, como “trabalhe enquanto eles dormem”, e post its com termos do tipo meeting, budget e call decoram as paredes. E, claro, uma máquina de café.

90% dos objetos utilizados na decoração estão disponíveis para venda na loja. “Algumas coisas pegamos especialmente para montar o ambiente”, diz Nicole. Os espaços devem ficar por ali por mais 4 meses.

View this post on Instagram

Na capa desta semana, os moradores de Santa Cecília, região que é reduto dos hipsters paulistanos, de discurso engajado e consumo que vai do "litrão" a bar inspirado em Berlim, de salão de beleza que não faz química nem chapinha a boutique de carne. De amor e repulsa ao Minhocão. . Vejinha avulsa nas bancas, por 9,90, por assinatura mensal por 19,90 em vejasp.com.br/assine. Ilustração: @magentaking

A post shared by VEJA SÃO PAULO (@vejasp) on

Continua após a publicidade

Os endereços também são decorados com quadrinhos com check lists, para o cliente descobrir o quão Faria Limer ou Santa Cecilier é seu estilo de vida. Do lado dos descolados do centro, ganha pontos quem mora em um imóvel com chão de taco, possui peça de roupa com estampa listrada ou segue uma dieta vegetariana. Para a Zona Oeste, a lista leva opções como achar os prédios espelhados da Avenida Brigadeiro Faria Lima a “coisa mais linda”, cortar o cabelo em uma barbearia gourmet ou andar por aí com o crachá da firma pendurado no pescoço.

Confira abaixo uma galeria de fotos dos espaços:

Além dos Faria Limers e dos Santa Ceciliers, a Vejinha também fez reportagens sobre os moradores de outros dois bairros da cidade, os Moemers, na Zona Sul, e os Mooquensers, na Zona Leste.

Continua após a publicidade

Publicidade