Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Castelo Rá-Tim-Bum: novos ingressos são liberados para compra

A partir desta sexta (18), o MIS vai disponibilizar mais 50 entradas por dia para adquirir pela internet

Por Laura Ming Atualizado em 5 dez 2016, 14h17 - Publicado em 16 jul 2014, 17h59

Após o anúncio de que estavam esgotados todos os ingressos disponíveis para compra antecipada da exposição Castelo Rá-Tim-Bum, o MIS decidiu liberar mais 50 entradas por dia para compra online. As vendas começam a partir de sexta-feira (18), às 12h.

Adquirir o bilhete antes é uma forma de driblar a fila que, na quarta-feira (16), chegou a duas horas. Quem foi ao museu no primeiro dia da mostra, e deixou para comprar o ingresso na hora, teve de enfrentar uma fila que se estendia até a rua Alemanha, dobrando a esquina.

A estudante Erica dos Santos, de 23 anos, foi com as amigas da época de escola para ver a cobra Celeste e sua árvore, explorar as gavetas da cozinha do castelo e conferir figurinos originais. Já na fila, as cinco garotas tiravam fotos para postar nas redes sociais, sem perder o ânimo, apesar da longa espera. “Já me programei há um mês para vir no primeiro dia. Sempre fui fã”, conta.

 

O público era formado, em sua maioria, por jovens na faixa dos 20 anos, além da presença de crianças acompanhadas dos pais. A maioria dos pequenos nunca assistiu ao programa e foi levada por adultos nostálgicos. “Acho que minha tia está mais empolgada do que eu”, disse a pequena Anita Gobbato, de 11 anos, que gosta mesmo do desenho animado do Bob Esponja. Já a tia Fernanda Gobbato, de 27 anos, não parava de tirar fotos da caprichada exposição. “É um sonho de infância poder pegar em objetos do castelo, ver peças originais”, diz.

Apesar de a mostra ter aberto as portas às 12h, já havia gente esperando do lado de fora do museu às 9h. Para visitar os ambientes internos, havia filas de até 20 minutos. Tanta gente tentou ligar no MIS, que os telefones pararam de funcionar. No final da tarde, vencer a fila para comprar os ingressos não garantia a entrada imediata. Às vezes era necessário esperar mais uma hora para as salas expositivas esvaziarem.

Caso da estudante Suzanne Alves, de 23 anos, que se revezava na fila com as outras amigas. “Estou cansada, mas quero entrar, eles são a minha infância.” Mas nem todo mundo resistiu. Os amigos Rafael Pimenta, de 28 anos, e Camila Lima, de 30, desistiram. “Espero que façam uma virada como na exposição do David Bowie. Só consegui ver a mostra assim”, conta a roteirista.

A exposição dedicada à série da TV Cultura que completa duas décadas fica em cartaz de terça-feira a domingo no MIS.

 

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês