Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Natura negocia compra da The Body Shop com L’Oréal

A oferta, de 1 bilhão de euros, foi aprovada ontem pelo conselho de administração da L’Oréal e o fechamento da transação deverá ocorrer ainda este ano

Por Barbara Öberg 9 jun 2017, 13h42

A empresa brasileira de cosméticos Natura anunciou hoje (9) que está em negociação exclusiva com o conglomerado L’Oréal para adquirir a britânica The Body Shop.

A oferta apresentada pela Natura de 1 bilhão de euros (cerca de 3,6 bilhões de reais) foi aprovada ontem pelo conselho de administração da L’Oréal. A conclusão da operação está sujeita à consulta ao seu conselho de colaboradores da multinacional e à aprovação de autoridades concorrenciais. Porém, o fechamento da transação deverá ocorrer ainda em 2017.

  • “Com essa aquisição, o Grupo Natura passa a ter três marcas com forte identidade: Natura, Aesop e The Body Shop. Esse movimento fortalecerá nossa estratégia de internacionalização e de diversificação de marcas e canais”, diz João Paulo Ferreira, presidente da Natura.

    A The Body Shop foi fundada em 1976 por Anita Roddick com uma postura pioneira e ativista em causas sociais e ambientais, como o fim do teste de produtos em animais. Em 2006, a empresa foi vendida ao grupo francês L’Oréal. A The Body Shop atua em 66 países e tem mais de 3 000 pontos de venda, sendo 109 deles no Brasil. Em 2016, sua receita líquida foi de 920,8 milhões de euros.

    A Natura foi fundada em 1969 em São Paulo por Luiz Seabra, ainda hoje seu maior acionista. A integração da The Body Shop com o grupo nacional deverá levar a um faturamento consolidado de 11,5 bilhões de reais, 17 000 colaboradores, 3 200 lojas e um portfólio de mais de 2 000 produtos, além de uma força de vendas de 1,8 milhão de consultoras independentes.

    Continua após a publicidade
    Publicidade