Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Quatro bares para se comer porco à milanesa

Espaços da capital que preparam a pedida

Por Redação VEJA São Paulo 28 fev 2020, 06h00

Separamos uma lista com quatro endereços que fazem boas, e diferentes, versões de milanesa suína. Confira.

Izakaya Matsu. No movimentado boteco de estilo japonês, dá para ver os pedidos sendo preparados do extenso balcão. O karê, cozido feito de cenoura e batata, vem na companhia de arroz e lombo de porco empanado, o tonkatsu. Custa R$ 42,00. Para beber, peça a cerveja japonesa Orion (R$ 19,00). Avenida Pedroso de Morais, 403, Pinheiros, tel. 3812-9439.

Jaguar Bar. Este endereço, instalado em um prédio do centro, tem como protagonista do menu as carnes de casquinha dourada. Entre as versões disponíveis está o lombo de porco marinado na cerveja e coberto de farinha panko. A porção do aperitivo sai por R$ 21,00. Para acompanhar, peça o gim-tônica com hibisco, alecrim e flor comestível (R$ 25,00). Avenida Duque de Caxias, 421, Campos Elíseos, tel. 93150-9302.

Kraut. Com petiscos de inspiração alemã, este bar, frequentado pelo pessoal de Santa Cecília, tem no menu o schnitzel. É o bifinho de porco empanado, frito e ali cortado em tiras servidas em uma bandeja ao lado de salada de batata bem temperada, folhas e picles. Para completar a pedida, chegam à mesa dois tipos de mostarda. Custa R$ 27,00. Rua Barão de Tatuí, 405, Santa Cecília, tel. 4323-6390.

Tan Tan Noodle Bar. A carne de porco empanada é a estrela do katsu sandu (R$ 32,00), pão de fôrma recheado comumente encontrado nos izakayas da cidade. Neste endereço, as fatias recebem maionese e molho agridoce antes da barriga de porco de casquinha crocante. A finalização é feita com pó de alga nori e picles de pepino. Rua Fradique Coutinho, 153, Pinheiros, tel. 2373-3587.

Continua após a publicidade
Publicidade