Imagem Blog

Tudo Sobre Cinema

Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Continua após publicidade

Por onde andam Molly Ringwald e os atores de Gatinhas e Gatões (1984)?

Revi Gatinhas e Gatões, já um clássico da comédia juvenil da década de 80. John Hughes (1950-2009) era um papa do gênero naquela época e dirigiu os igualmente simpáticos Mulher Nota Mil (1985) e Curtindo a Vida Adoidado (1986), entre outros. Gatinhas e Gatões, de 1984, foi seu primeiro longa-metragem, que agora volta às lojas […]

Por Miguel Barbieri Jr.
Atualizado em 27 fev 2017, 11h30 - Publicado em 31 jan 2013, 13h18

Revi Gatinhas e Gatões, já um clássico da comédia juvenil da década de 80. John Hughes (1950-2009) era um papa do gênero naquela época e dirigiu os igualmente simpáticos Mulher Nota Mil (1985) e Curtindo a Vida Adoidado (1986), entre outros. Gatinhas e Gatões, de 1984, foi seu primeiro longa-metragem, que agora volta às lojas numa boa versão em Blu-ray. É claro que penteados, figurinos e trilha sonora ficaram datados. As piadas, contudo, continuam sofisticadas e a generosa compreensão da fase adolescente mantém-se intacta.

Os três atores principais (na foto acima), que fizeram certo sucesso à época, tomaram rumos distintos. Quer saber o que aconteceu com Molly Ringwald (a aniversariante que faz 16 anos), Michael Schoeffling (o bonitão da escola por quem ela é apaixonada) e Anthony Michael Hall (o nerd engraçadinho metido a conquistador)?

Continua após a publicidade

Molly Ringwald fará 45 anos em 18 de fevereiro (foto acima). Casou-se duas vezes e tem três filhos. Seu auge foi mesmo na década de 80 quando, além de Gatinhas e Gatões, esteve nos emblemáticos Clube dos Cinco (1985) e A Garota de Rosa-Shocking (1986). Nos anos 90, Molly foi para Paris, aprendeu francês e fez alguns longas como Tous les Jours Dimanche. Também fez papéis importantes no teatro, como Sally Bowles, em Cabaret, e a personagem-título de Salomé, ao lado de Al Pacino. Em setembro do ano passado, lançou seu primeiro livro When It Happens to You, motivo que a levou novamente à mídia. Embora tenha feito raras aparições no cinema nos últimos anos, ela encontrou um cantinho na TV e, desde 2008, é uma das atrizes do seriado teen A Vida Secreta de uma Adolescente Americana, exibido pelo canal Boomerang.

Michael Schoeffling não deu certo como ator. Também, pudera, basta ver seu morno desempenho em Gatinhas e Gatões para prever que seu futuro seria fora dos sets. Ele bem que tentou. Esteve em Em Busca da Vitória (1985), no drama gay Meu Querido Companheiro (1989) e contracenou com Winona Ryder em Minha Mãe É uma Sereia, de 1990 (foto acima). No ano seguinte, encerrou a carreira com Mergulho em uma Paixão. O ex-modelo e ex-boxeador, hoje com 52 anos, casou e teve dois filhos. Mora na Pensilvânia e produz móveis em madeira de forma artesanal.

Continua após a publicidade

Anthony Michael Hall, de 44 anos, tem mais de 70 participações como ator, entre trabalhos no cinema, telefilmes e seriados. Sua carreira começou muito cedo: aos 7 anos, já fazia comerciais e, em 1983, atuou ao lado de Chevy Chase em Férias Frustradas. Com John Hughes, além de Gatinhas e Gatões, fez Clube dos Cinco e Mulher Nota Mil. A fama, porém, trouxe um prejuízo: Hall entregou-se ao álcool, foi jogado de escanteio por Hollywood e só conseguiu se livrar do vício em 1990. Vieram, então, Edward, Mãos de Tesoura, muitas séries de TV, o Bill Gates de Piratas da Informática (1999) e o protagonista de The Dead Zone, seriado inspirado em Stephen King, que durou de 2002 a 2007. Atuou também em Batman – O Cavaleiro das Trevas (2008), na pele do repórter Mike Engel.

Gostou deste post? Fique por dentro de mais novidades sobre cinema curtindo a página do blog do miguel no Facebook

 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.