Imagem Blog

Terraço Paulistano Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO

Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.
Continua após publicidade

Plano de recuperação judicial do Hopi Hari é aprovado

Por ora, só 10% da dívida de 400 milhões de reais começará a ser paga

Por Ana Carolina Soares
Atualizado em 11 abr 2018, 19h13 - Publicado em 11 abr 2018, 19h13

Com sete meses de atraso e após ser adiada três vezes, enfim aconteceu a assembleia geral de credores do Hopi Hari na quinta (5), no próprio parque. O grupo chegou a um acordo e, no dia seguinte, o juiz Fábio Marcelo Holanda, da 1ª Vara de Vinhedo, aprovou a proposta de recuperação judicial apresentada.

Pela decisão, o atual administrador do local, José David Xavier, permanecerá no comando. Ex-funcionários vão receber em até em um ano, com redução de 60% do débito. Prestadores de serviços com crédito de até 1 milhão de reais levarão 53% do valor em 48 parcelas iguais. Acima disso, o parcelamento será em até 21 anos.

A proposta, entretanto, deixou de fora os maiores credores do parque: o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o fundo de pensão dos funcionários do antigo Banco Nacional de Habitação (Prevhab), a SLW Corretora de Valores e a Mirai Participações. Juntos, os quatro grupos somam 90% da dívida estimada em 400 milhões de reais.

Continua após a publicidade

No domingo (8), o empresário José Luiz Abdalla assinou uma petição pedindo a anulação da assembleia, alegando diversas irregularidades, como sabotagem na votação, além do risco de falência pelo plano excluir os principais credores. O juiz negou a petição, mas Abdalla deverá recorrer.

Pelo visto, essa guerra vai longe.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.