Imagem Blog

Terraço Paulistano

Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.
Continua após publicidade

“A crise é grave, mas não esperava”, diz Ronnie Von sobre demissão

Apresentador demitido na sexta (19) após 15 anos na TV Gazeta diz que já recebeu propostas e deverá voltar ao ar em breve

Por Ana Carolina Soares
Atualizado em 19 jul 2019, 19h53 - Publicado em 19 jul 2019, 19h39

Às 15h da sexta (19), assim que saiu dos estúdios do Todo Seu, programa transmitido pela TV Gazeta, o cantor e apresentador Ronnie Von foi chamado à sala de Marinês Rodrigues, superintendente de programação da emissora. Em questão de minutos, soube de sua demissão. “Quando se está há quinze anos em um lugar, a gente espera ficar mais quinze anos. Não esperava por isso, mas está tudo bem”, diz o artista. A seguir, ele fala do rompimento e de novos planos:

Não houve negociação com a direção para manter o contrato?

Assim que sentei à mesa, Marinês foi muito simpática, mas foi logo começando a conversa com “a gente está vivendo um momento muito complicado, você sabe…”. Eles disseram que não tinham mais condições de manter um contrato como o meu. Aí, entendi o recado e logo encurtei a conversa. Não queria que o assunto se desenrolasse para algo como negociação com diminuição de valores. Foi algo rápido, de comum acordo. Houve beijos, abraços e lágrimas da parte deles.

Mas você não conseguiu se despedir do seu público…

Pois é, não consegui… Mas acho que isso é uma tradição da emissora (o apresentador Celso Zucatelli, também demitido nesta sexta 19, além das apresentadoras Cátia Fonseca e Palmirinha, que saíram há alguns anos, também não puderam avisar a audiência quando deixaram a TV Gazeta). O pior: minha equipe de onze pessoas da produção, meus menininhos, também foram desligados… Fiquei mais chateado por eles.

Continua após a publicidade

Você esperava por essa demissão?

Não. Ao mesmo tempo, há uma crise grave no país que se reflete nos meios de comunicação. Sei que a situação está complicada, a crise é grave, mas não esperava. Quando se está há quinze anos em um lugar, a gente espera ficar mais quinze anos. Mas está tudo bem.

E agora? O que pretende fazer?

Cheguei em casa hoje às 16h30 e logo já havia duas ligações com propostas. Voltarei ao ar em breve.

Continua após a publicidade

Em televisão aberta, fechada ou YouTube?

Televisão aberta, claro! Sou um dinossauro (Risos). Sei que o futuro está no YouTube e em televisão fechada, assisto a vários canais, mas os anunciantes seguem na televisão aberta. Podem me aguardar.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.