Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais
Continua após publicidade

SBT demite Matheus Baldi, jornalista envolvido em caso Klara Castanho

Jornalista confirmou a saída do Fofocalizando por meio das redes sociais, mas culpou corte de tempo na atração

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
16 jul 2022, 14h38
  • Seguir materia Seguindo materia
  • Matheus Baldi, jornalista que fazia parte do quadro de apresentadores do Fofocalizando, foi demitido do SBT na tarde de sexta-feira (15). Ele se envolveu no caso Klara Castanho, que teve a intimidade invadida. Baldi confirmou a informação nas redes sociais, mas disse que o corte no tempo do programa foi o responsável por sua saída na atração.

    Publicidade

    “Eu não estava no Fofocalizando porque eu cheguei lá, conversei com o diretor, e ele me explicou que, quando eu fui contratado, o programa tinha uma hora e quarenta minutos. Eu era o integrante mais novo do programa”, disse. Depois de algum tempo, esse tempo foi reduzido”, justificou. 

    Publicidade

    + Klara Castanho se manifesta após episódio de invasão de privacidade

    “Agora, com uma hora, eram muitos participantes para esse tempo de duração. Então, foi necessário fazer esse ajuste. Não teve nada mais do que isso. Sou muito grato ao SBT e o programa é incrível”, completou o jornalista. 

    Publicidade

    Reportagem do Fantástico sobre a violência sofrida por Klara Castanho, que foi estuprada, engravidou e fez a doação legal do bebê, citou Matheus Baldi como um dos responsáveis por divulgar a notícia.

    Continua após a publicidade

    + Chris Flores critica Matheus Baldi ao vivo e relembra perda de bebê

    Publicidade

    Ele se defendeu dizendo que nunca cravou a gravidez da atriz e se explicou. Disse que publicou a informação por falta de resposta por parte da equipe da atriz, mas apagou a postagem minutos depois, após a assessora de imprensa revelar a ele que a gravidez era fruto de crime. “Nunca mais mexi nessa história e não posso ser responsabilizado pelo tudo o que, depois, as pessoas, sabendo do que se tratava, fizeram”, disse. 

    Publicidade
    Publicidade

    Essa é uma matéria fechada para assinantes.
    Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

    Domine o fato. Confie na fonte.
    10 grandes marcas em uma única assinatura digital
    Impressa + Digital no App
    Impressa + Digital
    Impressa + Digital no App

    Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

    Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
    *Para assinantes da cidade de São Paulo

    a partir de R$ 39,90/mês

    PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
    Fechar

    Não vá embora sem ler essa matéria!
    Assista um anúncio e leia grátis
    CLIQUE AQUI.