Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Página de ‘House of Cards’ em rede social faz piada com política brasileira

A situação no Brasil está complicada, mas sempre tem gente que consegue encontrar um pouco de bom humor em meio a tantas notícias ruins. + Grampos telefônicos de Dilma e Lula já viraram meme na internet Nessa quarta, enquanto manifestantes tomavam as ruas de várias partes do país em protesto à nomeação do ex-presidente Luiz Inácio […]

Por VEJA SÃO PAULO Atualizado em 26 fev 2017, 12h51 - Publicado em 17 mar 2016, 09h54

houseofcards

A situação no Brasil está complicada, mas sempre tem gente que consegue encontrar um pouco de bom humor em meio a tantas notícias ruins.

Grampos telefônicos de Dilma e Lula já viraram meme na internet

Nessa quarta, enquanto manifestantes tomavam as ruas de várias partes do país em protesto à nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como ministro da Casa Civil, vários memes faziam piadas com os grampos que flagraram conversar do ex-mandatário com a presidente Dilma Rousseff (PT).

Lula assume como ministro e famosos protestam nas redes sociais

A página de um dos seriados mais assistidos do mundo também perdeu a oportunidade de tirar uma casquinha do vaivém na política nacional. No Twitter da série House of Cards (série que retrata os bastidores e a briga por poder na Casa Branca), uma imagem de Frank Underwood (Kevin Space), inescrupuloso político que virou presidente dos Estados Unidos era acompanhada da seguinte mensagem: “Assistindo às notícias de hoje sobre o Brasil”.

Continua após a publicidade

Não é a primeira vez que a Netflix, produtora e exibidora da série, brinca com os fatos em Brasília. No lançamento da atração, há duas semanas, uma carta atribuída ao presidente Underwood havia pedido que o povo brasileiro mantivesse o espírito crítico “antes de passar adiante boatos e calúnias”.

Ainda nesta semana, o jornal alemão Die Zeit, também relacionou o toma-lá-dá-cá do Brasil com o programa, dizendo que a política brasileira era melhor que House of Cards.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês