Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Saulo Yassuda, repórter e crítico de bares de VEJA São Paulo Notas Etílicas Por Saulo Yassuda Dicas, novidades e observações do mundo dos bares e das bebidas

Bar de 9 milhões ficará escondido em loja e terá segredo para entrar

Localização do espaço dedicado a gastronomia, coquetelaria e agito é mantido (por enquanto) em sigilo

Por Saulo Yassuda Atualizado em 20 jan 2022, 14h21 - Publicado em 4 nov 2021, 14h15

A cidade está para ganhar um estabelecimento secreto de entretenimento destinado ao público AAA. É o S.S., que ficará escondido atrás de uma loja. Poucos convidados, pelo menos nessa primeira fase, saberão o “segredo” para conseguir atravessar o portal que levará ao misto de bar, balada e restaurante.

O projeto é ambicioso. Para a seara etílica, foi contratada uma consultoria do bartender peruano Aaron Diaz, do badalado Carnaval, em Lima, no Peru (21º bar do mundo pela lista The 50 Best Bars de 2020). O menu de comes ficou a cargo do chef Luiz Filipe Souza, do quatro-estrelas Evvai, que ganhou um COMER & BEBER no ano passado. Toda atmosfera do espaço de 9 metros de pé-direito está sob a responsabilidade do arquiteto Herbert Holdefer, do 134 Office, que concebeu ambientes como o d’A Casa do Porco Bar.

O bartender Aaron Diaz finalizando um drinque a sua frente.
Aaron Diaz: o bartender peruano é consultor do bar Jimena Agois/Divulgação

Quem idealizou o negócio foi a dupla de empresários David Politanski e Luis Oliveira, investidores de endereços como Seu Justino e Ama.zo, respectivamente. A dupla, que calcula ter investido por volta de 9 milhões de reais no empreendimento, suplica para que localização não seja revelada. O lugar deve começar a receber convidados no dia 18.

Se você quiser fazer a linha C.S.I. e tiver espírito de detetive, possivelmente descobrirá com poucos cliques onde o bar ficará (spoiler: pertinho de um premiado endereço de cozinha autoral). Mas mistérios, sabemos, ajudam a criar burburinho e possíveis clientes. Essa turma aspirante a visitar o local, porém, precisará estar com a conta bancária em dia. O tíquete médio deve girar, por baixo, em torno de 400 reais.

Continua após a publicidade

Assine a Vejinha a partir de 12,90 mensais

Valeu pela visita! Tem alguma novidade para me enviar? Meu e-mail é saulo.yassuda@abril.com.br

Também estou no Instagram: @sauloyassuda

E, olha só, voltei ao Twitter: @sauloy

 

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VejaSP, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VejaSP, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Edições da VejaSP liberadas no App Veja de maneira imediata

a partir de R$ 12,90/mês