Imagem Blog

Bichos

Tudo sobre o mundo pet
Continua após publicidade

Ararinhas-azuis são soltas na natureza 20 anos depois de extinção

As aves foram trazidas da Alemanha e da Bélgica para o Brasil, há dois anos, com a finalidade de reintroduzir a espécie no meio ambiente

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 22 Maio 2024, 16h22 - Publicado em 12 jun 2022, 13h08

A soltura de oito ararinhas-azuis no último sábado (11) numa área de preservação ambiental no interior da Bahia ocorreu com sucesso. As aves foram trazidas da Alemanha e da Bélgica para o Brasil, há dois anos, com a finalidade de reintroduzir a espécie no meio ambiente.

A ararinha-azul foi descoberta em 1819 e sofreu gradual processo de extinção na natureza. O último indivíduo conhecido, um macho, desapareceu em 2000, decretando-se assim a extinção da espécie na natureza.

+ Correio elegante 2022: dez cantadas engraçadinhas para paquerar em junho

O coordenador do Plano de Ação Nacional para a Conservação da Ararinha-Azul, Antonio Eduardo Barbosa, explicou como foi o preparo para as aves serem liberadas. Para a soltura, as ararinhas passaram por treinamento.

“Elas foram colocadas juntas para terem uma convivência mais harmoniosa. Houve um processo de treinamento de voo [com fortalecimento da musculatura] e de capacidade de interagir com os alimentos que elas vão encontrar na natureza”, contou.

Continua após a publicidade

Segundo Barbosa, elas também passaram por “avaliação sanitária rigorosa” para verificar se estavam com alguma doença que possa colocar em risco os animais em vida livre.

Com Agência Brasil 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.