Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Blog do Lorençato Por Arnaldo Lorençato O editor sênior Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há 30 anos. De 1992 para cá, fez mais de 15 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie

Erick Jacquin impõe “castigo” a um dos cozinheiros amadores do MasterChef

Se a primeira prova pode parecer uma missão difícil, a segunda é de arrasar

Por Arnaldo Lorençato Atualizado em 20 jan 2022, 14h33 - Publicado em 10 jul 2018, 13h28

Com apenas cinco competidores em cena e final programada para 31 de julho, o MasterChef começar a pegar fogo por causa da alta tensão. Nesta terça (10), os cozinheiros terão dois desafios.

A primeira prova da noite será com ingredientes regionais brasileiros. Se essa pode parecer uma missão difícil, a segunda é de arrasar. Os participantes terão de cozinhar um jacaré, sendo que um deles em total desvantagem em relação aos demais como se verá mais abaixo.

Eliane: preparo do peixe amazônico Carlos Reinis/Band/Divulgação

Os ingredientes nacionais, escondidos sob uma gigantesca caixa misteriosa, estarão organizados por regiões do país e em diferentes prateleiras. Nessa “escadinha”, uma delas é só para as carnes ou proteínas (argh!), como preferem chamar os jurados Paola Carosella (Arturito e La Guapa Empanadas), Erick Jacquin (Tartar & Co e Le Bife) e Henrique Fogaça (Sal GastronomiaJamile e Cão Véio). Na outra, estarão os ditos acompanhamentos. No andar superior, encontrarão-se os temperos.

Como dificuldade pouca é a tônica da atual temporada, os participantes deverão escolher itens de diferentes prateleiras e preparar com eles o que Paola chamou de cozinha inter-regional.

Thiago sob o olhar de Jacquin: carne de sol na panela Carlos Reinis/Band/Divulgação

Veja alguns ingredientes desse mercado especial, que deverão ser transformados em um prato harmonioso em apenas uma hora:

Norte: chicória, jambu, alfavaca, cumaru, pimenta-murupi, banana-da-terra e tambaqui.

Nordeste: pimenta-de-cheiro, coentro, cominho, azeite de dendê, leite de coco, mandioca, feijão-fradinho e carne de sol.

Centro-Oeste: castanha baru, pequi, pimenta, caju e galinha caipira.

Sudeste: doce de leite (esse é para usar toda a criatividade!), urucum, pimenta dedo-de-moça, ora-pro-nóbis, café e costelinha de porco.

Sul: orégano fresco, páprica, erva-doce, erva-mate, mandioca e assado de tira.

Continua após a publicidade

Maria Antonia com Fogaça: reclamação do Hugo Carlos Reinis/Band/Divulgação

Quem começa as escolhas é Katleen, que se safou da eliminação, seguida de Hugo. O repescado fica com a galinha e desperta a ira da Maria Antonia, que cobiçava o produto e está associada a Eliane e ao major Thiago. Ou seja, ainda há dois grupos quando devia ser todos contra todos.

Depois de escolher itens, será preciso ser criativo e preparar uma receita que lembre o Brasil. O problema é que um dos candidatos a MasterChef vai muito mal e terá uma forte punição na eliminatória.

Dupla eliminação: padre Evandro cumprimenta os jurados Carlos Reinis/Band/Divulgação

Na prova despacho, a missão é preparar jacaré, ingrediente muito apreciado no Centro-Oeste. Trata-se de uma carne branca considerada muito saudável pelos especialistas em nutrição com sabor e textura muito peculiares. Na boca, lembra um peito de frango com gosto semelhante ao de peixe.

Para complicar ainda mais a vida do cozinheiro com o pior desempenho, Jacquin imporá um terrível “castigo”. Vai cortar o rabo do jacaré. Ou seja, ele vai perder justamente uma das melhores partes, a cauda do réptil de “carne exótica”, como açougues especializados na venda classificam.

Victor Hugo: despedida em prova desafiadora Carlos Reinis/Band/Divulgação

Depois de 1 hora, saberemos quem irá se juntar ao padre Evandro e ao professor de francês, que deixaram a competição na semana, em episódio que deu o que falar. A eliminação promete!

Conheça os participantes que ainda estão na disputa:

Divulgação/Divulgação

Valeu pela visita! Volte sempre e deixe seu comentário. Aproveite para curtir minha página no Facebook e minhas postagens no Instagram. As novidades quentes aparecem também no meu Twitter.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês