“Saidinha”: Suzane von Richthofen deixa a prisão para o Dia das Mães

Em regime semiaberto, ela poderá passar sete dias fora do cárcere

Condenada a 39 de anos de prisão por se envolver no assassinato dos próprios pais, Suzane von Richthofen foi liberada nesta quarta-feira (8) da penitenciária feminina de Tremembé, no interior de São Paulo, para a “saidinha do Dia das Mães”.

Ela deixou o complexo prisional por volta das 8h da manhã e vai passar sete dias em liberdade. Por estar em regime semiaberto, tem a prerrogativa de sair o cárcere em algumas situações: Páscoa, Dia das Mães, Dia dos Pais, Dia das Crianças, Natal e Ano Novo.

Suzane chegou a ter o benefício suspenso por ter ido a um casamento, na saída de Natal, em um endereço distante do que havia informado à polícia que ficaria. Porém, a 5ª Câmara Criminal de São Paulo decidiu que o caso não consistiu em uma falta grave e devolveu a prerrogativa.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s