Ruas esburacadas lideram ranking de reclamações feitas à prefeitura

Segundo portal Dados Abertos, mais de 81 000 paulistanos se queixaram em 2018 de crateras ou da qualidade da pavimentação nas vias por onde circulam

Quando assumiram a prefeitura de São Paulo, em 2016, João Doria (PSDB) e seu então vice Bruno Covas (PSDB) lançaram o programa Asfalto Novo, com o objetivo de revitalizar as vias públicas da cidade. A eficiência desse programa, no entanto, não parece ter sido tão impactante assim.

Problemas com pavimentação foram justamente as reclamações mais recorrentes dos paulistanos à prefeitura ao longo de quase todo o ano de 2018.

Segundo informações disponíveis no portal Dados Abertos, mais de 81 000 cidadãos reclamaram de buracos ou da qualidade do asfalto nos bairros por onde circulam. Esse índice corresponde a mais de 13% de todas as queixas recebidas pela administração entre janeiro e outubro.

Doria não é mais prefeito de São Paulo desde abril de 2018, quando ele se afastou do cargo para disputar, e vencer, o governo do Estado. Em seu lugar, Covas tem dado continuidade às políticas públicas adotadas pelo antecessor.

Dos 96 distritos existentes na capital paulista, o que concentrou o maior número de reclamações, segundo levantamento feito por VEJA SÃO PAULO, é o da Freguesia do Ó, com 2 143 queixas registradas. Em segundo, aparece Santana, com 1 990 reclamações. Em terceiro está o de Sapopemba, com 1 765 reclamações.

Veja abaixo os 10 distritos paulistanos que apresentaram o maior número de reclamações sobre buracos nas ruas:

Distrito Nº de reclamações
Freguesia do Ó 2143
Santana 1990
Sapopemba 1765
Brasilândia 1753
Itaquera 1737
Sacomã 1714
Jardim São Luís 1628
Santo Amaro 1613
Tatuapé 1563
Penha 1556

Veja também quais são os 10 distritos que apresentaram os menores índices de reclamação referentes a esse mesmo tema:

Distrito Nº de reclamações
Marsilac 132
Anhanguera 189
Jaguará 240
Ermelino Matarazzo 246
Ponte Rasa 257
Guaianases 261
Jardim Helena 265
Perus 272
Aricanduva 283
Vila Maria 307

Todas essas reclamações foram feitas aos canais de atendimento SP156 da Prefeitura. Por meio deles, o paulistano pode reclamar, elogiar ou fazer sugestões à administração.

Resposta da prefeitura

A Secretaria Municipal das Subprefeituras informa que, entre janeiro e outubro de 2018, 198 253 buracos foram tapados em toda a cidade – incluindo demandas represadas de anos anteriores. Houve um aumento de 4,1% nos serviços executados em relação ao mesmo período de 2017 (190 315).

Também houve alta nas subprefeituras mencionadas pela reportagem no mesmo recorte temporal: janeiro a outubro. Na região da Freguesia Brasilândia, foram tapados 10 871 buracos em 2018; já em 2017, o número foi de 3 900. Em Santana/Tucuruvi, foram tapados 4 912 buracos no ano passado; em 2017, a quantidade foi de 3 765. Já em Sapopemba, 4 536 erosões foram sanadas em 2018; no ano anterior, a soma chegou a 3 448.

Por meio do programa Asfalto Novo, a Prefeitura de São Paulo realiza o recapeamento das vias. Por meio dele, já foram renovados o piso em 265,8 quilômetros de vias da cidade e a previsão é de investimento total de 550 milhões de reais.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s