Clique e assine por apenas 6,90/mês

Policiais estão entre os que mais procuram terapia online em SP

App de celular oferece serviço de sessões com psicólogos por 30 reais

Por Ricardo Chapola - Atualizado em 11 Feb 2019, 18h18 - Publicado em 8 Feb 2019, 13h39

Os policiais militares estão entre os trabalhadores de São Paulo que mais têm procurado um aplicativo de terapia on-line para celular. Disponível no mercado desde 2016, a plataforma, chamada FalaFreud, oferece consultas remotas a psicólogos, feitas via vídeoconferências.

Além de policiais, a empresa que desenvolveu o app identificou ainda advogados, engenheiros, médicos e professores como usuários frequentes.

Por meio de uma base com cerca de 7000 psicólogos cadastrados, o FalaFreud dispõe de sessões terapêuticas a 30 reais cada. Esse é o preço de uma consulta avulsa. Caso o paciente se interesse pelo serviço, a ferramenta sugere um plano ilimitado. Por 699 reais mensais, o usuário pode escolher quantas sessões deseja fazer. No app, existem vários recursos que permitem ao paciente entrar em contato com seu psicólogo sempre que quiser, seja por mensagens de texto, mensagens de voz, ou chamadas de vídeo.

A ideia de criar o FalaFreud partiu de Yonathan Yuri Faber, de 32 anos. O projeto surgiu quando o empresário se mudou para os Estados Unidos e passou a sentir falta das sessões de terapia com a psicóloga a que sempre ia no Brasil, desde 2007. “Começamos a falar direto pelo Whatsapp, todos os dias. E aí pensei: ‘opa, acho que alguém pagaria por isso'”, disse Faber.

Continua após a publicidade
Faber decidiu criar o app quando passou a sentir falta de suas sessões de terapia ao se mudar para os EUA Divulgação/Veja SP

Faber disse que a inteligência artificial desenvolvida para o app é capaz de recomendar o psicólogo que melhor se enquadre no perfil do paciente. Essa triagem é feita com base em um pequeno formulário que o usuário tem de preencher ao baixar a plataforma.

Os psicólogos que integram a plataforma são submetidos a testes e entrevistas antes de fazerem parte do time do aplicativo. “Eles precisam preencher requisitos mínimos. Queremos mais psicólogos focados totalmente na plataforma e que não tenham consultório”.

Segundo Faber, o FalaFreud contém atualmente cerca de 250 psicólogos dedicados dia e noite à ferramenta. O aplicativo está disponível para download gratuito, em versões para Android e IOS.

Publicidade