Os detalhes da morte de jovem que combinou carona por WhatsApp

Ela foi amarada, arrastada e jogada em córrego

A radiologista Kelly Cristina Cadamuro, de 22 anos, teve os braços amarrados por uma corda e foi arrastada. Os detalhes foram dados em depoimento Jonathan Pereira do Prado, 33 anos, assassino confesso da jovem morta após oferecer carona por WhatsApp no interior de São Paulo. O autor do crime será ouvido pela polícia na semana que vem pois ainda há diversas lacunas do caso a serem preenchidas.

O que se sabe é que o crime foi premeditado. Prado entrou no grupo do aplicativo de conversa para roubar o carro da vítima. O assassinato, segundo ele, se deu porque Kelly teria oferecido resistência. O corpo dela foi encontrado sem as calças. O autor do crime nega ter cometido abuso sexual, mas exames de necropsia irão confirmar se ele fala a verdade. Prado tinha muitas marcas de arranhões nos braços, o que indica que Kelly teria lutado por sua vida.

O assassino Jonathan Pereira do Prado: entrou no aplicativo para roubar o carro da vítima

O assassino Jonathan Pereira do Prado: entrou no aplicativo para roubar o carro da vítima (Reprodução/TV TEM/Veja SP)

Kelly saiu de São José do Rio Preto na quarta (1), final de tarde, com destino à Itapagipe, em Minas Gerais, para encontrar seu namorado – que chegou a alertá-la para ter “cuidado” com a viagem. A distância do trajeto seria de 120 quilômetros.

O corpo foi encontrado em um córrego na região de Frutal, sem calça e com a cabeça dentro da água. A calça jeans usada por ela na ocasião estava a 3 quilômetros de distância. O atestado de óbito consta estrangulamento e asfixia como causas da morte.

Jonathan Pereira do Prado era um foragido da Justiça desde março deste ano. Em uma saidinha de feriado, ele não retornou ao Centro de Progressão Penitenciária de São José de Rio Preto, onde cumpria penas por furto, roubo, estelionato, extorsão, ameaça, lesão corporal apropriação e uso de moda falsa.

Foram presos outros dois suspeitos, Wander Luis Cunha e Daniel Teodoro da Silva, que, de posse de bens da jovem, foram enquadrados por receptação.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Elaine Cresqui Garcia

    Que Deus ampare e conforte os familiares desta moça e o Diabo carregue esse verme pro inferno!!